Leonardo DiCaprio vai levar escândalo da Volks aos cinemas | Cultura europeia, dos clássicos da arte a novas tendências | DW | 13.10.2015
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages
Publicidade

Cultura

Leonardo DiCaprio vai levar escândalo da Volks aos cinemas

Produtora do ator e estúdio Paramount compram direitos de filmagem de livro sobre a fraude nas emissões de poluentes por carros a diesel da montadora alemã.

A fraude nas emissões de poluentes por motores a diesel da Volkswagen gerou um escândalo de proporções épicas: em menos de um mês, as ações despencaram junto com a reputação da montadora alemã, e o até então todo-poderoso presidente Martin Winterkorn teve de deixar o cargo. Mas essa história renderia um filme em Hollywood?

O estúdio de cinema Paramount Pictures e a empresa de produção Appian Way, do ator americano Leonardo DiCaprio, acreditam que sim – eles acabaram de comprar os direitos de adaptação ao cinema do livro do jornalista Jack Ewing, do New York Times, sobre o tema.

O livro de Ewing ainda não saiu do papel, mas deve explorar de que forma a filosofia do "cada vez mais, melhor e mais rápido" levou a uma das maiores fraudes da história corporativa, que abalou todo o setor automobilístico.

O escândalo da Volkswagem estourou em 18 de setembro, quando a empresa foi acusada de ter enganado a Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA) ao instalar, em 11 milhões de carros a diesel vendidos nos EUA, um software que maquia em até 40% as emissões.

A Califórnia, estado onde o escândalo começou, tem uma das leis mais rígidas do país para a proteção do meio ambiente. A montadora admitiu a manipulação, que pode lhe render multas de até 18 bilhões de dólares, além dos custos com recalls.

Sobre o possível filme, nada foi divulgado. A imprensa internacional especula, porém, que DiCaprio deverá ser o produtor do longa. O ator é um dos principais ativistas ambientais de Hollywood e tem experiência em adaptar histórias reais para a telona.

Em 2013, ele produziu e estrelou o premiado filme O Lobo de Wall Street, sobre um corretor de títulos da bolsa americana que tem suas fraudes financeiras investigadas pelo FBI.

EK/afp/ap/rtr/dpa

Leia mais