Hamburgo derrota o Leverkusen e retoma liderança da Bundesliga | Siga a cobertura dos principais eventos esportivos mundiais | DW | 22.02.2009
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Hamburgo derrota o Leverkusen e retoma liderança da Bundesliga

Com dois gols de Marcell Jansen, o Hamburgo supera o Bayer Leverkusen e reassume a liderança. Colônia derrota o Bayern e faz a festa em Munique. Hertha Berlim perde para o Wolfsburg e cai para a terceira posição.

default

Marcell Jansen comemora, René Adler lamenta: a cena se repetiu duas vezes neste domingo

O Hamburgo aproveitou os tropeços dos concorrentes na 21ª rodada do Campeonato Alemão, disputada neste final de semana, e retomou a liderança da competição. Na única partida disputada neste domingo (22/02), a equipe nortista superou o Bayer Leverkusen por 2 a 1.

O destaque da partida foi o lateral Marcell Jansen, que marcou os dois gols do Hamburgo. Pelo lado do Bayer, o melhor jogador, segundo a imprensa alemã, foi o brasileiro Renato Augusto, principal articulador das jogadas de ataque da equipe.

Foi a quarta vitória fora de casa da equipe treinada por Martin Jol. Já o Leverkusen sofreu a quinta derrota jogando em casa. A partida foi disputada em Düsseldorf, já que o estádio do Bayer está em reformas. Mesmo com a derrota, o Bayer se manteve na quinta colocação, mas foi alcançado em número de pontos pelo Wolfsburg.

Carnaval em Munique

Festa mesmo fez o Colônia em Munique no sábado. Em pleno Carnaval alemão, a equipe renana derrotou o Bayern por 2 a 1 e impôs mais um freio às pretensões bávaras ao título. Foi a terceira derrota do Bayern nos quatro jogos já disputados do returno.

1. FC Köln Bayern München

Estreante Brosinski dá a vitória ao Colônia sobre o Bayern

A vitória sobre o atual campeão alemão teve um sabor especial para os jogadores do Colônia por causa da época do ano. A cidade às margens do Reno é famosa por ser o epicentro do Carnaval alemão, e as referências ao clube local estão presentes em várias músicas carnavalescas.

"Quando o Colônia fazia gols em Munique, a Alemanha inteira caía na folia", escreveu a agência de notícias SID, numa referência à fama de foliões dos renanos e à antipatia que o Bayern desperta nos torcedores adversários.

A vitória foi especial também para Christoph Daum, que venceu sua primeira partida em Munique como técnico de uma equipe. Os gols foram marcados por Fabrice Ehret e por Daniel Brosinski, que fazia sua estreia na Bundesliga. Para o Bayern, descontou Daniel van Buyten, no final do jogo.

O resultado não trouxe mudanças significativas na tabela nem para o Colônia nem para o Bayern. O Colônia passou da 11ª para a 10ª posição. O Bayern permaneceu no quarto lugar graças aos tropeços dos adversários na corrida pelo título.

Tropeços dos concorrentes

VfL Wolfsburg Hertha BSC Berlin

Dzeko supera Simunic e marca segundo gol do Wolfsburg

O vice-líder continua sendo o Hoffenheim, que empatou em 3 a 3 com o Stuttgart no sábado. Os três gols do Hoffenheim foram marcados por Demba Ba. Para o Stuttgart, marcaram Mario Gomez e o brasileiro Cacau. O Hoffenheim ainda teve a chance de vencer a partida e retomar a liderança – nos acréscimos da etapa final, Sejad Salihovic desperdiçou um pênalti.

O Hertha Berlim, que era o líder antes do início da rodada, caiu para o terceiro lugar com a derrota por 2 a 1 para o Wolfsburg, também no sábado. Direção e jogadores da equipe berlinense culparam o juiz Knut Kircher pelo resultado. "Até hoje não podíamos nos queixar de erros nesta temporada, mas aqui foram claramente usadas duas medidas", queixou-se o capitão Arne Friederich.

O Hertha reclamou de Kircher por este ter invalidado um gol do brasileiro Cícero aos 30min iniciais, alegando falta do também brasileiro Rodnei sobre Alexander Madlung, e não ter invalidado o segundo gol de Dzeko, que deu a vitória para o Wolfsburg e que ocorreu em circunstâncias semelhantes.

"Foi uma falta clara, só um cego não vê", disse o zagueiro do Hertha Josip Simunic, afirmando que Dzeko "se apoiou com as duas mãos sobre os meus ombros". Dzeko também marcou o primeiro gol do Wolfsburg e Cícero o gol que valeu do Hertha.

Bremen e Schalke decepcionam

Bundesliga Schalke gegen Dortmund

Kevin Kuranyi marca de meia-bicicleta contra o Dortmund

Schalke e Werder Bremen voltaram a decepcionar suas torcidas. Na sexta-feira, o gol de meia-bicicleta de Kevin Kuranyi não bastou para o Schalke derrotar o arquirival Dortmund. A partida terminou empatada em 1 a 1, com gol de Mohamed Zidan para o Dortmund. O Schalke é o nono colocado e o Dortmund, o oitavo.

Em Cottbus, o Bremen também abriu o placar, com gol de Hugo Almeida, mas perdeu para o Energie por 2 a 1. Para os donos da casa marcaram Ivica Iliev e Dimitar Rangelov. Pela atual tabela, o vice-campeão alemão está mais próximo da zona de rebaixamento do que dos torneios internacionais. O Bremen é apenas o 11º colocado.

Leia mais

  • Data 22.02.2009
  • Autoria Agências (as)
  • Imprimir Imprimir a página
  • Link permanente https://p.dw.com/p/GzG6
  • Data 22.02.2009
  • Autoria Agências (as)
  • Imprimir Imprimir a página
  • Link permanente https://p.dw.com/p/GzG6