Futurando - Edição de 11/11/20 | Programa de ciência, meio ambiente e tecnologia da DW Brasil | DW | 11.11.2020

Conheça a nova DW

Dê uma olhada exclusiva na versão beta da nova DW. Sua opinião nos ajudará a torná-la ainda melhor.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futurando!

Futurando - Edição de 11/11/20

Exercícios e alimentação saudável: mitos e verdades

Assistir ao vídeo 26:36

Para manter o corpo magro, ou emagrecer, fazer apenas dieta nem sempre é a melhor solução. Isso porque o efeito ioiô pode rapidamente aparecer. A chave para o emagrecimento está no metabolismo. Entenda no vídeo. 

Você se esforça na academia, faz tudo direitinho, cuida da alimentação, e com o tempo ganha mais músculos. Parece a receita ideal para fazer o seu corpo gastar mais energia. E é! A questão é a quantidade de massa magra extra não necessariamente impulsiona um gasto calórico expressivo. O vídeo do Futurando desvenda esse e outros mitos do esporte.

Como deve ser a nossa rotina de exercícios durante a pandemia? O cardiologista e especialista em medicina do exercício Marcelo Leitão responde essa e outras perguntas. 

Pesquisas mais antigas indicam que comer antes de praticar exercícios físicos não bom para quem quer emagrecer. No entanto, muitos desses estudos só testavam homens e nem chegavam a considerar as diferenças entre o corpo dos homens e das mulheres. Hoje já se sabe que cada um metaboliza gordura de uma forma e isso faz toda a diferença na hora de emagrecer. Saiba mais no vídeo. 

A gordura marrom pode ser uma aliada para turbinar o metabolismo. Ela faz nosso corpo gastar mais ou menos calorias. Sobre esse assunto, conversamos com Mario Carra, presidente da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e Síndrome Metabólica. 

Desde 2011, o halterofilista armênio-alemão Patrik Baboumian decidiu abrir mão das proteínas de origem animal. Houve quem considerasse a decisão arriscada para a carreira dele como atleta de força. Mas Patrik provou que os céticos estavam errados e que é sim possível substituir as fontes de proteína mantendo, ou até mesmo melhorando a performance. 

Muitos perfis de influencers na internet vendem suplementos proteicos como uma opção para ajudar no ganho muscular. Será que eles realmente funcionam? Ou depende do tipo de treino que incluo na minha rotina? Confira no vídeo.