Fotógrafo recria pinturas de natureza morta | Cultura europeia, dos clássicos da arte a novas tendências | DW | 13.06.2019
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Fotógrafo recria pinturas de natureza morta

[Vídeo] Inspirado pela pintura flamenga do século 17, Bas Meeuws transporta a técnica de composição da época à era digital. O resultado: colagens fotográficas vibrantes e atemporais.

Assistir ao vídeo 03:26

Inspirado pela pintura flamenga, Bas Meeuws dá nova vida a natureza morta. Assim como os antigos mestres da época, Bas cria arranjos florais que seriam inviáveis na vida real combinando, por exemplo, imagens de flores de todas as estações do ano. O fotógrafo já tem um banco de imagens com mais de 12 mil fotografias. "Quando começo a compor as imagens, parto sempre da foto do vaso. Ele é realmente a base da natureza morta, não apenas um acessório. É muito importante. O buquê de flores e o vaso precisam estar em equilíbrio. Às vezes, o vaso chama muita atenção, então o buquê tem que ser mais vibrante e mais colorido para manter a imagem equilibrada", conta.