Fifa revoga suspensão de Beckenbauer | DW Brasil | Notícias e análises do Brasil e do mundo | DW | 27.06.2014

Conheça a nova DW

Dê uma olhada exclusiva na versão beta da nova DW. Sua opinião nos ajudará a torná-la ainda melhor.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages
Publicidade

NOTÍCIAS

Fifa revoga suspensão de Beckenbauer

Entidade retira medida que afastava ex-técnico de atividades ligadas ao futebol por 90 dias. Suspensão havia sido aplicada no âmbito das investigações sobre escolha da Rússia e do Catar como sedes da Copa.

A Fifa voltou atrás na decisão sobre a suspensão provisória de Franz Beckenbauer, anunciou a assessoria do ex-jogador e ex-técnico da seleção alemã nesta sexta-feira (27/06). A entidade ainda não confirmou a medida.

O assessor Marcus Hoefl postou em sua conta no Twitter que a Fifa informou Beckenbauer nesta sexta-feira de que a suspensão foi revogada com efeito imediato. Segundo Hoefl, mesmo assim o ex-futebolista não viajará para o Mundial no Brasil.

O presidente de honra do Bayern de Munique foi suspenso de todas as atividades ligadas ao futebol no dia de 13 de junho, por um período de 90 dias. A decisão foi tomada após Beckenbauer se recusar a responder questões do comitê de ética da entidade ligadas à investigação sobre as escolhas da Rússia e do Catar como sedes das Copas do Mundo de 2018 e 2022, respectivamente. Ele era membro do comitê executivo da Fifa em dezembro de 2010, quando os dois países foram escolhidos.

"Eu subestimei o assunto, principalmente porque minha assessoria costuma lidar com essas questões administrativas", afirmou Beckenbauer, acrescentando que teve pouca influência no caso. De acordo com a assessoria do ex-técnico, Beckenbauer respondeu às perguntas da Fifa na última semana.

A assessoria afirmou ainda que a suspensão de Beckenbauer foi injustificada, por considerar que "ele não era obrigado a prestar depoimento à Fifa".

CN/dpa/ap/sid

Leia mais