Escultura sonora do ′mestre da arte cinética′ volta a funcionar | Cultura europeia, dos clássicos da arte a novas tendências | DW | 31.01.2019
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Escultura sonora do 'mestre da arte cinética' volta a funcionar

[Vídeo] O suíço Jean Tinguely foi um dos grandes nomes da arte cinética. Combinando pesquisa estética e experimentos físicos, ele criou, por exemplo, o que chamou de esculturas sonoras. Uma delas é a "Méta-Harmonie II". Após passar os últimos 2 anos desativada, a escultura acaba de ser restaurada e está funcionando em alto e bom som.

Assistir ao vídeo 04:21

Jean Tinguely criou a Méta Harmonie II em 1979. Hoje, a escultura pertence à coleção Emanuel Hoffmann e é mantida na Schaulager -  uma instituição suíça  fundada pela mecenas Maja Oeri, e que atua na pesquisa e preservação de obras contemporâneas. Após quase 40 anos de funcionamento, a obra estava desgastada - quase não saía som. Os especialistas passaram um ano documentando, restaurando ou mesmo substituindo peças. Depois da restauração, a Méta-Harmonie II foi levada para o Museu Tinguely, em Basileia – como um empréstimo permanente.