Brasil volta a ter manifestações contra Bolsonaro | DW Brasil | Notícias e análises do Brasil e do mundo | DW | 13.09.2021

Conheça a nova DW

Dê uma olhada exclusiva na versão beta da nova DW. Sua opinião nos ajudará a torná-la ainda melhor.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

NOTÍCIAS

Brasil volta a ter manifestações contra Bolsonaro

[Vídeo] Grupos de direita como MBL e Vem pra Rua convocaram manifestações contra o presidente. Os atos, no entanto, contaram com adesão menor que os últimos protestos convocados pela esquerda.

Assistir ao vídeo 01:31

Grupos de direita lideraram manifestações contra Jair Bolsonaro neste domingo (12/09). Os protestos, convocados pelo Movimento Brasil Livre (MBL) e Vem pra Rua, foram mais esvaziados do que os atos da esquerda ocorridos em maio e junho.

As manifestações ganharam a adesão de alguns partidos de centro-esquerda, como PSB e PDT. Já o PT e o PSOL descartaram a participação nos atos devido ao histórico de grupos como o MBL, que lideraram os protestos a favor do impeachment de Dilma Rousseff e têm um passado notório de espalhar ataques virulentos e fake news.

Os grupos de direita inicialmente haviam prometido evitar usar os atos para atacar Lula,
como forma de atrair o PT, mas houve registro de faixas e cartazes que faziam equivalência entre o petista e Bolsonaro.