Ativistas pró-Google vandalizam casas de moradores contrários ao Street View na Alemanha | Notícias sobre política, economia e sociedade da Alemanha | DW | 24.11.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Ativistas pró-Google vandalizam casas de moradores contrários ao Street View na Alemanha

Numa manifestação de apoio à empresa americana, vândalos da cidade de Essen jogaram ovos em casas cujas imagens foram borradas no Street View a pedido dos proprietários.

default

Casa borrada a pedido do proprietário na Alemanha

Menos de uma semana após a polêmica disponibilização de imagens de cidades alemãs no Google Street View, a empresa americana recebeu uma insólita demonstração de apoio à controversa ferramenta.

No sábado passado, vândalos jogaram ovos em várias casas no bairro de Bergerhausen, na cidade de Essen, oeste da Alemanha. Todas haviam sido desfocadas no Street View a pedido dos moradores.

Desde o anúncio de que cidades alemãs seriam incluídas no Street View, membros do governo alemão e ativistas de proteção de dados têm defendido que o Google dê aos proprietários o direito de exigir que as imagens de seus imóveis sejam borradas no serviço, que oferece imagens panorâmicas detalhadas de ruas e edifícios de cidades.

De acordo com informações da imprensa local, os infratores não apenas atiraram ovos nas casas, como também deixaram recados nas caixas postais dos moradores com os dizeres "Google é legal".

Um porta-voz da polícia de Essen declarou à Deutsche Welle que o incidente foi registrado como dano à propriedade, embora pouco tenha sido efetivamente danificado. "Vamos ver se há testemunhas", disse. "Ainda não temos pistas que nos levem aos responsáveis".

Uma porta-voz do Google afirmou que a companhia não tem nada a ver com o caso. "Damos às pessoas a opção de borrar as imagens de suas casas e respeitamos essa vontade", disse. "Quem quiser fazer uso dessa função deve fazê-lo."

Autor: Gerhard Schneibel (mda)
Revisão: Alexandre Schossler

Leia mais