Ataque a faca deixa feridos na França | Notícias internacionais e análises | DW | 31.08.2019
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages
Publicidade

Mundo

Ataque a faca deixa feridos na França

Ao menos uma pessoa morreu e nove ficaram feridas após homem esfaquear passageiros que estavam num ponto de ônibus num subúrbio de Lyon. Suspeito é detido. Autoridades investigam motivos do ataque.

Região do ataque em Villeurbanne foi interditada pela polícia

Região do ataque em Villeurbanne foi interditada pela polícia

Uma pessoa morreu e pelo menos nove ficaram feridas em um ataque a faca cometido neste sábado (31/08) num ponto de ônibus próximo a uma estação de metrô de Villeurbanne, comuna que faz parte da região metropolitana de Lyon, no leste da França.

O prefeito de Lyon, Gérard Collomb, confirmou que um suspeito foi preso depois do ataque e disse não saber as motivações do autor do crime, mas ressaltou que as autoridades locais não descartam nenhuma hipótese na investigação.

A promotoria de Lyon abriu um inquérito para apurar o caso e disse que o suspeito agiu sozinho. A Promotoria Nacional de Terrorismo informou que acompanha as investigações para descobrir se há qualquer ligação com grupos terroristas.

Collomb afirmou que o autor do crime foi rendido pelos agentes de segurança depois de esfaquear de forma indiscriminada as pessoas que aguardavam no ponto de ônibus.

Além da faca, o suspeito carregava um espeto de churrasco. Ele foi acusado de homicídio e tentativa de homicídio. Fontes da polícia disseram que o suspeito, de 33 anos, seria do Afeganistão e teria pedido asilo no país.

Segundo fontes ouvidas pela agência de notícias AP, o suspeito forneceu informações contraditórias à polícia, porém, inicialmente o ataque não parece ter sido um ato terrorista. Não está claro se o jovem de 19 anos que morreu conhecia o suspeito.

O ataque ocorreu por volta das 16h30 (horário local) na estação de metrô Laurent-Bonnevay de Villeurbane, que foi fechada depois do ataque. Segundo uma testemunha, o suspeito estava armado com uma grande faca de cozinha e começou a atacar as pessoas que esperavam no ponto de ônibus.

Cerca de 50 bombeiros e integrantes de equipes de atendimento de urgência foram enviados à estação para atender os feridos, que foram levados a hospitais da região. Três estão em estado grave.

CN/efe/lusa/ap/afp/rtr

______________

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube | App | Instagram | Newsletter

Leia mais