As principais notícias sobre a pandemia de coronavírus (09/05) | Notícias internacionais e análises | DW | 09.05.2020

Conheça a nova DW

Dê uma olhada exclusiva na versão beta da nova DW. Sua opinião nos ajudará a torná-la ainda melhor.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages
Publicidade

Coronavírus

As principais notícias sobre a pandemia de coronavírus (09/05)

Brasil bate novo recorde de mortes por covid-19 e decreta luto oficial. Mundo ultrapassa 4 milhões de casos confirmados e 278 mil mortes. Sobe índice de contágio na Alemanha.

Brasilien Manaus | Coronavirus | Friedhofsmitarbeiter (picture-alliance/dpa/C. Batata)

Com mais de 750 mortes por covid-19 em 24h, Brasil atinge novo recorde

Resumo deste sábado (09/05):

  • Mundo tem mais de 4 milhões de casos, quase 278 mil mortes e 1,35 milhão de recuperados
  • Brasil registra mais de 149 mil casos, 10.106 óbitos e 59.297 recuperados
  • Sobe índice de contágio na Alemanha
  • Brasil tem novo recorde de mortes por covid-19
  • STF anula restrições à doação de sangue por homens gays

Transmissão encerrada. As atualizações estão no horário de Brasília:

18:30 – Brasil decreta luto oficial

O Congresso brasileiro decretou luto oficial de três dias pelos mortos de covid-19. Por esse período ficam proibidas celebrações, comemorações ou festividades. O número de vítimas do coronavírus no país ultrapassou 10 mil.

17:15 – Índice de contágio R volta a subir na Alemanha

O índice R (número de reprodução) na Alemanha subiu para 1,1, significando que cada paciente de covid-19 contamina mais de uma outra pessoa, informou o Instituto Robert Koch. Ao anunciar a cifra, contudo, a agência alemã de controle e prevenção de doenças ressaltou que, devido às taxas de contágio mais baixas, são possível mais "imprecisões" estatísticas, com uma margem de erro entre 0,9 e 1,34.

17:00 – Protestos contra restrições em cidades alemãs

Houve protestos em diversas cidades alemãs contra as restrições à vida pública. O maior, reunindo milhares de cidadãos, ocorreu em Stuttgart, com manifestações menores em Berlim, Munique e Frankfurt. Na capital, a polícia investiu contra o manifestantes com spray de pimenta e efetuou prisões. Foram também detidas cerca de 30 pessoas diante do Reichstag, o prédio do Parlamento federal, por desrespeitarem as normas de higiene e distanciamento.

Polícia de Berlim enfrenta manifestantes na Alexanderplatz

Polícia de Berlim enfrenta manifestantes na Alexanderplatz

15:00 – França registra menor número de mortes desde abril

O Ministério da Saúde da França registrou neste sábado 80 óbitos por covid-19 em 24 horas – a cifra mais baixa desde o início de abril. Na véspera houve 243 mortos. O país totaliza assim 26.310 vítimas do coronavírus.

Caiu também em 56 (cerca de 2%) o número de pacientes em unidades de tratamento intensivo, peça essencial no arsenal contra a pandemia. Eles são agora 2.812, menos da metade dos 7.148 registrados em 8 de abril.

Os hospitalizados com coronavírus também se reduziram, de 22.724 para 22.614, continuando a tendência descendente das últimas três semanas, a partir do pico de 14 de abril, quando havia 32.292 internados.

06:00 – EUA chegam a mais de 1,28 milhão de casos de covid-19

Os Estados Unidos chegaram nesta sexta-feira (08/05) a 1.283.829 casos confirmados de covid-19, entre eles 77.178 mortes, de acordo com os dados coletados pela Universidade Johns Hopkins.

O balanço divulgado nesta noite acrescenta 29.089 casos e 1.635 mortes contabilizadas nas últimas 24 horas. Ao todo, 199.993 pessoas se recuperaram da doença, e mais de 1 milhão de casos ainda estão ativos.

Principal foco da pandemia no mundo, o estado de Nova York tem 330.407 casos confirmados e 26.243 óbitos. Só a cidade de Nova York já computou 19.702 mortes.

Na sequência, Nova Jersey totaliza 135.840 diagnósticos positivos e 8.960 óbitos, Massachusetts tem 75.333 casos e 4.702 mortes, Illinois reporta 73.760 contágios e 3.241 óbitos.

O número de mortes no país continua abaixo das projeções iniciais da Casa Branca, que calculava entre 100 mil e 240 mil mortes no melhor cenário.

Segundo a Universidade Johns Hopkins, o número de casos confirmados de covid-19 em todo o mundo chegou a 3.954.246 nesta sexta-feira, com 275.160 mortes e 1.331.068 recuperados.

05:00 – STF anula restrições à doação de sangue por homens gays

O Supremo Tribunal Federal (STF) anulou, nesta sexta-feira (08/05), a restrição de doação de sangue por homens gays, numa decisão histórica em que a maioria dos juízes considerou a regra preconceituosa. 

O julgamento, que havia sido interrompido em 2017, foi feito em plenário digital e terminou às 23h59 de sexta-feira.

A maioria do STF considerou inconstitucional a regra da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e do Ministério da Saúde que proibia a doação de sangue por "homens que fazem sexo com homens" nos 12 meses anteriores à coleta.

Na quinta-feira da semana passada, a Advocacia-Geral da União (AGU) havia pedido que o STF rejeitasse a ação. No entanto, a Defensoria Pública da União (DPU) posicionou-se a favor de agilizar o julgamento diante da pandemia de coronavírus que reduziu as doações e os estoques de sangue no país.

Leia a matéria completa

02:00 – Brasil tem novo recorde de mortes por covid-19

Pela terceira vez na mesma semana, o Brasil bateu seu recorde de registro de mortes por covid-19 em 24 horas. Nesta sexta-feira (08/05), o país contabilizou mais 754 óbitos, elevando o total para 9.897, segundo dados do Ministério da Saúde.  É o quarto dia seguido em que o país registra mais de 600 mortes.

Nos últimos sete dias, foram registradas 3.136 mortes. É um número superior ao de mortes registradas no período de 17 de março (data do registro do primeiro óbito por covid-19 no Brasil) a 22 de abril, em que transcorreram 36 dias. 

O número de casos confirmados da doença também saltou de 135.106 para 145.328, com 10.222 novos registros nas últimas 24 horas. Também é  o quarto dia seguido em que o país registra cerca de 10 mil novos casos por dia.

Ainda segundo o ministério, 59.297 pessoas já se recuperaram.

Leia a matéria completa

00:00 – Resumo desta sexta-feira (08/05):

  • Mundo tem 3,9 milhões de casos, 273 mil mortes e 1,31 milhão de recuperados
  • Brasil registra 145.328 casos, 9.897 óbitos e 59.297 recuperados
  • ONU alerta para "tsunami de ódio e xenofobia" devido à pandemia
  • Rússia registra mais de 10 mil novos casos de covid-19 pelo sexto dia

______________

A Deutsche Welle é a emissora internacional da Alemanha e produz jornalismo independente em 30 idiomas. Siga-nos no Facebook | Twitter | YouTube 
App | Instagram | Newsletter