1. Pular para o conteúdo
  2. Pular para o menu principal
  3. Ver mais sites da DW
Trem de alta velocidade durante a última onda de frio no sul da Alemanha
Trem de alta velocidade durante a última onda de frio no sul da AlemanhaFoto: Arnulf Hettrich/imago images

Alemanha: 12,7 bilhões de euros para ferrovias

7 de março de 2021

Companhia ferroviária planeja para 2021 gastar quantia recorde para modernizar trilhos e estações. Mais trens, e menos carros e aviões em circulação, podem ajudar país a buscar meta climática.

https://www.dw.com/pt-br/alemanha-127-bilh%C3%B5es-de-euros-para-ferrovias/a-56798948

A companhia de trens alemã Deutsche Bahn (DB) planeja gastar 12,7 bilhões de euros em 2021 na modernização de sua rede ferroviária e estações.

"Estamos construindo uma nova rede ferroviária para a Alemanha e estamos lançando a pedra fundamental para a Deutschlandtakt [o novo plano de transporte da DB em todo o país]", disse o diretor executivo de infraestrutura da DB, Ronald Pofalla, na sexta-feira (05/03).

Pofalla observou que a soma é a maior já investida em uma única vez na infraestrutura ferroviária da Alemanha – é meio bilhão de euros mais alta do que foi gasto durante o ano fiscal anterior.

O investimento será destinado à modernização de cerca de 1.900 quilômetros de trilhos, 140 pontes e cerca de 2 mil estações de trem em todo o país.

A companhia, que é privada, mas tem o governo alemão como acionista majoritário, diz que contratará cerca de 2 mil engenheiros e 1.700 trabalhadores de manutenção para seu plano de modernização.

A DB destacou vários exemplos de expansão de infraestrutura nas linhas existentes (Nurembergue-Erfurt, Berlim-Dresden, Braunschweig-Wolfsburg) e de melhoria em cidades como Colônia, um gargalo constante na rede ferroviária alemã.

Algumas linhas de trem de alta velocidade (Hannover-Würzburg, Kassel-Göttingen) também serão reformadas.

A transportadora ferroviária alega que melhorar a capacidade de controlar o fluxo de tráfego ferroviário de passageiros e carga em sua rede lhe permitirá concluir o trabalho com menos interrupções e inconvenientes para os passageiros.

Apoio do Estado

"As coisas estão indo na direção certa", disse Dirk Flege, diretor administrativo da associação sem fins lucrativos de transporte Pro-Rail Alliance. "Ainda assim, a Alemanha precisa mais do que apenas uma nova e mais moderna rede ferroviária. Ela também precisa de uma rede em expansão".

Os defensores dos investimentos da DB argumentam que a expansão da capacidade ferroviária minimizará o tráfego de carros e aviões e ajudará a Alemanha a atingir suas metas de proteção climática.

No entanto, os críticos dizem que, apesar da soma recorde, provavelmente ainda não será suficiente para terminar o trabalho devido a anos de subfinanciamento crônico.

Em janeiro, a DB e o governo federal alemão assinaram um novo acordo de investimento. O governo se comprometeu a contribuir com 62 bilhões de euros para manter e modernizar a rede ferroviária da DB até 2030, com a empresa ferroviária estatal contribuindo com mais 24 bilhões de euros.

A maior parte do dinheiro destinado ao projeto (10,3 bilhões de euros) virá dos governos federal e estaduais da Alemanha, bem como da DB. Os 2,4 bilhões de euros restantes serão provenientes do orçamento de manutenção da própria empresa.

rpr (dpa)