A exploração de animais selvagens em Laos | Programa de ciência, meio ambiente e tecnologia da DW Brasil | DW | 04.10.2016
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Veja na próxima edição

A exploração de animais selvagens em Laos

Em Laos, ursos são criados em cativeiro para que o suco biliar deles possa ser retirado e vendido. Os chineses compram esse tipo de produto para usar na medicina. Mas o Futurando vem com muito mais informação.

O Futurando volta a discutir o tema do uso de partes de ursos na culinária asiática e na medicina. Os animais, para atender ao mercado principalmente chinês, são sacrificados em fazendas clandestinas em Laos. Crescem espremidos em jaulas pequenas e tem suco biliar retirado semanalmente. Um centro de proteção resgata alguns bichos, mas de tão traumatizados, eles sequer têm chance de voltar à natureza.

Na América do sul também existe um urso, o urso andino. A nossa equipe acompanhou um grupo de pesquisadores pelas trilhas do Parque Nacional de Manu, no Peru. Os cientistas estão estudando o comportamento dos bichos para tentar pacificar a convivência com a população local. É que os animais, às vezes, destroem plantações e trazem prejuízo aos agricultores. Conheça o projeto nesta edição do Futurando

Tecnologia

Se você é do tipo que usa o smartphone como um centro de controle da sua vida, então não pode deixar de assistir este Futurando. Vamos falar do perigo dos vírus também nos dispositivos móveis. Ao baixar um app, o usuário pode infectar o aparelho e até ser chantageado por hackers.

Como esse mundo da tecnologia não para, ainda este ano podem chegar ao mercado versões de robôs fabricados para conviver e interagir com pessoas. Alguns modelos são capazes, inclusive, de reconhecer emoções. No programa, você vai saber quais as novidades do setor.

Preparamos ainda uma reportagem sobre o estilo hightech de trabalhar no campo. Uma fazenda na região de Münsterland, na Alemanha, adotou uma rotina diferente. Os funcionários não vão toda hora falar com os coordenadores para saber o que precisam fazer. Eles ficam sabendo de tudo via app. Poupa tempo, mas tem a desvantagem de manter a equipe muito distante dos chefes.

As estações de metrô, em Berlim, são equipadas com alta tecnologia para prevenir atos de violência. No Futurando, você vai ver como funciona o sistema de monitoramento vinculado a softwares de reconhecimento biométrico. É uma estratégia para garantir segurança.

Assistir ao vídeo 00:32
Ao vivo agora
00:32 min

Chamada Futurando 213

O programa

O Futurando traz novidades sobre ciência, meio ambiente e tecnologia e é produzido todas as semanas pela redação brasileira da Deutsche Welle, em Bonn, na Alemanha.

O programa é exibido no Brasil pelo Futura às segundas-feiras, às 21h30 com reprise sexta e domingo; pela Rede Minas aos sábados, às 14h30, com reprise às sextas-feiras, às 13h30; pela TV Brasil todos os sábados às 12h, com reprise aos domingos às 15h30; pela TV Cultura aos domingos às 23h30; pela TV Câmara Tupã todos os sábados às 18h, com reprise às terças-feiras, às 19h40 e pela TV Climatempo aos sábados às 9h30, com reprise às terças e aos domingos. Você também pode ver vídeos do programa no Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro.

O Futurando é transmitido ainda em Moçambique pela Rede Tim, aos sábados, às 14h30.

Áudios e vídeos relacionados

Publicidade
default

DW Brasil no Twitter

Nossos 140 caracteres dizem tudo o que você precisa saber