A arte de sobreviver na Venezuela | Notícias sobre a América Latina e as relações bilaterais | DW | 01.06.2018
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

América Latina

A arte de sobreviver na Venezuela

O dia a dia da escassez de alimentos.

Assistir ao vídeo 01:21

Alguns mercados em Caracas estão abastecidos, mas poucas pessoas podem pagar os preços exorbitantes dos alimentos. Quem tem dinheiro vivo pode pagar com desconto de até 50%. Mas o pagamento em espécie é escasso devido à superinflação de 14.000% nos últimos 12 meses. O presidente Maduro propôs a segunda reconversão monetária. Com ela, passarão a circular cédulas com três zeros a menos. A cédula de maior valor hoje é a de 100.000 bolívares, que vale menos de 10 centavos de dólares no mercado negro.