Serra Leoa vai ter segunda volta das presidenciais | Internacional – Alemanha, Europa, África | DW | 14.03.2018

Conheça a nova DW

Dê uma vista de olhos exclusiva à versão beta da nova página da DW. Com a sua opinião pode ajudar-nos a melhorar ainda mais a oferta da DW.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Internacional

Serra Leoa vai ter segunda volta das presidenciais

Candidato da oposição ficou ligeiramente à frente nas eleições presidenciais da Serra Leoa, mas não conseguiu votos necessários para ser eleito à primeira volta. Próxima votação será daqui a duas semanas.

Uma segunda volta irá opor a 27 de março os dois principais partidos da Serra Leoa, anunciou na terça-feira (13.03) a Comissão Eleitoral Nacional daquele país, com a publicação dos resultados finais das eleições de 07 de março.

O candidato do principal partido da oposição, o SLPP, Julius Maada Bio, obteve 43,3% dos votos, ficando ligeiramente à frente do partido no poder, o APC, Samura Kamara, que conseguiu 42,7%, o que significa uma diferença de cerca de 15 mil votos.

A 07 de março, os habitantes da Serra Leoa acorreram às urnas para eleger um novo Presidente, vice-Presidente, membros do parlamento e conselheiros locais.

O APC e o SLPP têm vindo a revezar-se no poder desde a independência do país, em 1961. A Serra Leoa esteve mergulhada numa guerra civil entre 1991 e 2002, um conflito que fez cerca de 120 mil mortos.

As missões de observadores internacionais e da sociedade civil, nomeadamente a da União Europeia, saudaram o facto de se ter realizado na Serra Leoa uma campanha globalmente pacífica, com um escrutínio a evoluir bem. No entanto, lamentaram um "aumento da intimidação e dos atos de violência na última semana" de campanha e após o fecho das urnas.

Leia mais