Objectivos de Desenvolvimento do Milénio: o combate à pobreza no Uganda | Internacional – Alemanha, Europa, África | DW | 10.09.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Internacional

Objectivos de Desenvolvimento do Milénio: o combate à pobreza no Uganda

A cinco anos do fim do prazo para cumprir os Objectivos do Milénio, o Uganda está longe de alcançar a primeira das metas definidas pelas Nações Unidas em 2000: a redução para metade da pobreza absoluta e da fome

Caroline Nambooze, na imagem com a filha Natalie, é uma entre muitos ugandeses que vivem em pobreza absoluta, com menos de um dólar por dia

Caroline Nambooze, na imagem com a filha Natalie, é uma entre muitos ugandeses que vivem em pobreza absoluta, com menos de um dólar por dia

Num subúrbio da capital ugandesa, Campala, um grupo de mulheres bate numa rocha. O objectivo é parti-la e, assim, obter material para a construção civil. Este é o seu trabalho diário, entre pó e entulho. Homens a trabalhar não se vêem – ou estão a dormir ou sentados à sombra a discutir política.

Uganda: o país do Leste de África está longe de atingir o primeiro dos oito Objectivos do Milênio da ONU: a redução pela metade da pobreza absoluta e da fome

Uganda: o país do Leste de África está longe de atingir o primeiro dos oito Objectivos do Milênio da ONU: a redução para metade da pobreza absoluta e da fome

Uma destas mulheres é Caroline Nambooze. A jovem de 18 anos conta que perdeu dois dos seus três filhos. O parceiro de Caroline deixou-a. Desde então, ela tem de cuidar sozinha da sua filha de 5 anos. E, por isso, agora, tem de trabalhar na pedreira para sobreviver. Por cada 20 kg de pedras que parte, recebe cerca de 70 dólares, perto de 54 euros. Com o dinheiro, Caroline paga a pedra grande que depois irá quebrar, a renda da barraca onde vive e a escola da filha. No fim, restam-lhe cinco dólares, cerca de 4 euros, para comprar a alimentação do mês.

Caroline é uma de muitos ugandeses que ainda vivem com menos de um dólar por dia. Na “língua” das Nações Unidas, dir-se-ia que Caroline vive em pobreza absoluta. A cinco anos do prazo imposto pela ONU para o cumprimento dos Objectivos do Milénio, o seu país – o Uganda – está longe de se aproximar da meta.

Um programa apresentado por Marta Barroso.

Áudios e vídeos relacionados