O Japão um ano depois do acidente nuclear de Fukushima | Internacional – Alemanha, Europa, África | DW | 09.03.2012
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Internacional

O Japão um ano depois do acidente nuclear de Fukushima

Após ter parte do seu território devastado por um terramoto seguido de tsunami, os japoneses enfrentaram o problema da libertação de radiação na central nuclear de Fukushima. Uma tragédia que modificou o país.

Fukushima 1 - o terceiro reator da central sofreu muitos danos na sequência do tsunami de 11 de março de 2011

Fukushima 1 - o terceiro reator da central sofreu muitos danos na sequência do tsunami de 11 de março de 2011

Os japoneses, que nunca questionaram o nuclear, deixaram de acreditar piamente na segurança desta tecnologia, que consideram difícil de dominar pelo ser humano. Segundo as sondagens, mais de metade da população do Japão quer prescindir do nuclear e exige que o governo apresente alternativas.

A reconstrução de toda a zona costeira, no nordeste do Japão, está a decorrer. Trata-se de uma tarefa nada fácil, visto que têm que ser removidas mais de 22 milhões de toneladas em escombros, ou seja, do que resta de casas, fábricas e estradas destruídas.

Uma reportagem de Peter Kujath, da DW, apresentada por António Cascais.

Autor: António Cascais
Edição: Johannes Beck

A destruição de toda a região do nordeste do Japão foi maciça e parte dos escombros ainda não foi removida

A destruição de toda a região do nordeste do Japão foi maciça e parte dos escombros ainda não foi removida

Áudios e vídeos relacionados