Liga dos Campeões: Jogo entre Leipzig e Liverpool será na Hungria | Futebol | DW | 08.02.2021

Conheça a nova DW

Dê uma vista de olhos exclusiva à versão beta da nova página da DW. Com a sua opinião pode ajudar-nos a melhorar ainda mais a oferta da DW.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futebol

Liga dos Campeões: Jogo entre Leipzig e Liverpool será na Hungria

A UEFA anuncia que o jogo entre Leipzig-Liverpool terá lugar no Puskas Arena, em Budapeste. Mas, continua uma incógnita se o jogo entre Borussia Mönchengladbach e Manchester City também será na capital húngara.

A decisão foi tomada após a Polícia Federal alemã recusar, na última quinta-feira (04), um pedido do Leipzig solicitando que a equipa inglesa tivesse acesso especial ao território alemão para disputar a partida da primeira mão dos oitavos de final da Liga dos Campeões, marcada para o próximo dia 16.

De acordo com uma nota da UEFA, a partida será disputada na mesma data e horário anteriormente marcados. Entretanto, a UEFA agradece as duas equipas pela colaboração para tornar este jogo possível "bem como à Federação de Futebol da Hungria pelo seu apoio e concordância para receber o jogo”.

A mudança do local do jogo ocorreu em virtude das restrições impostas pelo Governo alemão em relação às viagens de passageiros vindos de Reino Unido, Brasil, África do Sul e Portugal, devido à pandemia do novo coronavírus.

Themenbild Liverpool darf für Leipzig-Spiel nicht einreisen

Jürgen Klopp - treinador do Liverpool (à esquerda) e Julian Nagelsmann - treinador do RB Leipzig (à direita).

A Polícia Federal alemã fundamentou a sua recusa informando que o caso dos 'Reds' não se enquadra em nenhuma das possíveis exceções à regra geral.

Ainda continua uma incógnita se o jogo entre Borussia Mönchengladbach e Manchester City também será transferido para a capital húngara. A partida, igualmente pontuável para a primeira mão dos oitavos de finais da "liga milionária”, está marcada para o dia 24 deste mês.

Refira-se que no contexto da pandemia de Covid-19, a Hungria tem uma proibição geral de entrada, mas são feitas excepções para os desportos profissionais.

Leia mais