Gana: Presidente Nana Akufo-Addo vence eleições | Internacional – Alemanha, Europa, África | DW | 09.12.2020

Conheça a nova DW

Dê uma vista de olhos exclusiva à versão beta da nova página da DW. Com a sua opinião pode ajudar-nos a melhorar ainda mais a oferta da DW.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Internacional

Gana: Presidente Nana Akufo-Addo vence eleições

A Comissão Eleitoral do Gana anunciou, esta quarta-feira, que Nana Akufo-Addo foi reeleito para um segundo mandato após ter ganho as eleições de segunda-feira (07.12), com 51,69% dos votos.

O Presidente cessante Nana Akufo-Addo conseguiu a reeleição para um próximo mandato, anunciou, esta quarta-feira (09.12), a comissão eleitoral do país.

Em conferência de imprensa, esta tarde, o presidente da Comissão Eleitoral, Jean Adukwei Mensa, anunciou que Akufo-Addo, do Novo Partido Patriótico (NPP), conseguiu 6.730.413 votos, o que representa 51,59 por cento do eleitorado. Já John Mahama, líder do Congresso Nacional Democrático (NDC), reuniu 6.214.889 votos, ou seja, 47,36 por cento.

Os dois opositores políticos de longa data, que se enfrentaram nas urnas pela terceira vez, assinaram, na semana passada, um "pacto de paz" no qual se comprometeram a não promover qualquer violência durante a votação e o anúncio dos resultados.

No entanto, esta terça-feira (08.12), John Mahama acusou o chefe de Estado cessante, de ser "antidemocrático", advertindo que "resistirá a qualquer tentativa de roubar o escrutínio".

"Há algumas coisas que estão a acontecer neste momento que são inaceitáveis", disse John Mahama, numa conferência de imprensa em Acra. 

Números revelados, esta quarta-feira, pela polícia dão conta que a violência pós-eleitoral já fez cinco mortos e 17 feridos.