Explosão deixa mortos nos arredores do Parlamento em Mogadíscio | Internacional – Alemanha, Europa, África | DW | 25.03.2018
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Internacional

Explosão deixa mortos nos arredores do Parlamento em Mogadíscio

Segundo as autoridades da Somália, pelo menos quatro pessoas morreram, incluindo o motorista do carro-bomba. Há registos de vários feridos.

Forças de segurança da Somália no local da explosão em Mogadíscio

Forças de segurança da Somália no local da explosão em Mogadíscio

Um carro-bomba explodiu, este domingo (25.03), perto do Parlamento da Somália, na capital Mogadíscio. Pelo menos quatro pessoas morreram e várias ficaram feridas. Entre as vítimas mortais está o motorista do veículo e soldados, segundo informou a polícia.

Próximo à área da explosão também está localizado o palácio presidencial, cuja entrada fica a cerca de 200 metros. Segundo a polícia, em declaração à agência de notícias Associated Press (AP), o incidente ocorreu num posto de controlo, quando os agentes de segurança interceptaram um veículo suspeito.

Poucas horas antes, outro carro-bomba nos arredores da capital matou uma pessoa e o motorista, de acordo com a polícia. O policial Mohamed Abdi disse à AP que a explosão ocorreu depois que os soldados chegaram ao local para inspecionar o carro "suspeito" que havia ficado preso numa estrada arenosa na área de Sinka Dheer.

Na última quinta-feira, um ataque semelhante, com carro armadilhado, também ocorreu perto de um hotel em Mogadíscio, deixando pelo menos 14 mortos e 10 feridos.

De acordo com a agência de notícias Reuters, o ataque deste domingo ainda não teve a autoria reivindicada. Entretanto, em Mogadíscio, as zonas que ficam perto de hotéis e de postos de controlo militar são normalmente alvos preferenciais das milícias al Shabaab, com ligações à rede terrorista Al-Qaida, numa campanha para derrubar o Governo apoiado pela comunidade internacional.

Leia mais