Descoberta de engenhos explosivos preocupa autoridades em Tete | NOTÍCIAS | DW | 13.11.2019
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

NOTÍCIAS

Descoberta de engenhos explosivos preocupa autoridades em Tete

Desde setembro, foram encontrados onze engenhos explosivos nos arredores da cidade de Tete, centro de Moçambique. Quatro crianças morreram numa explosão. Polícia pede à população que comunique casos suspeitos.

Foto de arquivo (2009): Autoridades procuram minas com detetores de metais, em Gaza.

Foto de arquivo (2009): Autoridades procuram minas com detetores de metais, em Gaza.

A Polícia da República de Moçambique em Tete diz que os engenhos estavam na posse da população do Bairro Samora Machel, nos arredores da cidade de Tete. Segundo o porta-voz da corporação, Feliciano da Câmara, o objectivo seria a extração de mercúrio.

De acordo com os habitantes do bairro, a área onde os engenhos explosivos foram encontrados terá sido uma carreira de tiro. Com o crescimento demográfico da cidade de Tete, as comunidades começaram a ocupar a zona, para construir moradias. 

Alertas às autoridades

"Esta montanha, aqui, era uma zona militar, há muito tempo", explica Jeremias Alberto, um dos residentes, à DW África. "Havia uma bomba aqui perto da montanha e eu reportei à segunda e quinta esquadra da polícia e a segunda esquadra mandou polícias para remover", afirma Jeremias Alberto, um dos residentes.

Ouvir o áudio 02:12

Engenhos explosivos preocupam autoridades em Tete

O primeiro alerta foi a 19 de setembro. Cinco crianças que se encontravam a brincar acharam um engenho, que acabou explodindo, o que culminou com a morte de quatro menores. A polícia foi depois para o terreno, fazer buscas. Até agora, foram encontrados onze engenhos explosivos.

Pedido da PRM

Segundo o porta-voz da PRM em Tete, Feliciano da Câmara, "depois da tragédia [ocorrida em setembro], as populações foram ficando receosas por temerem represálias por parte da polícia ao entregarem estes engenhos explosivos, que estariam na sua posse, e optam por abandonar em algumas áreas. É neste âmbito que a polícia tem descoberto de forma paulatina estes artefactos, na área do bairro Samora Machel".

Feliciano da Câmara apela à população para que, em caso de suspeita, "comunique às autoridades policiais sempre que se depararem com este tipo de engenhos. Não se aproximem dos mesmos porque representam um perigo”.

"Nós vamos para o local, para fazer a remoção destes em segurança”, garante. 

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados