Angola: Prisão preventiva para Carlos São Vicente | Angola | DW | 22.09.2020

Conheça a nova DW

Dê uma vista de olhos exclusiva à versão beta da nova página da DW. Com a sua opinião pode ajudar-nos a melhorar ainda mais a oferta da DW.

  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Angola

Angola: Prisão preventiva para Carlos São Vicente

Empresário angolano é acusado de lavagem de dinheiro. Carlos São Vicente foi ouvido pela na Direção Nacional de Investigação e Ação Penal e depois encaminhado para a cadeia.

O empresário angolano Carlos São Vicente ficou esta terça-feira em prisão preventiva, por suspeita de crimes de peculato e branqueamento de capitais entre outros, disse à agência Lusa fonte da Procuradoria-Geral da República (PGR).

Carlos São Vicente, que foi ouvido esta terça-feira pela segunda vez, durante cerca de sete horas na Direção Nacional de Investigação e Ação Penal (DNIAP), órgão afeto à PGR, foi conduzido para a cadeia de Viana, em Luanda.

Em causa está uma investigação que envolve uma conta bancária de Carlos São Vicente congelada na Suíça, por suspeitas de lavagem de dinheiro com cerca de 900 milhões de dólares, o equivalente a 752 milhões de euros, segundo divulgou um blogue suíço que acompanha questões judiciais naquele país.

Leia mais