Moçambique

RENAMO: "Ficou claro que esquadrões da morte fazem parte dos órgãos de justiça"

Assistir ao vídeo 01:52

Em entrevista à DW, o mandatário nacional do maior partido da oposição em Moçambique, responsabiliza o partido no poder, FRELIMO, pela onda de violência neste período eleitoral. Venâncio Mondlane afirma ainda que não há, neste momento, "isenção nos órgãos de justiça" do país.