1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Sua Opinião

ZINEDINE ZIDANE

Quase "zó deu Zidane" nos comentários de nossos leitores: o cartão vermelho do craque e a possibilidade de o Brasil sediar a Copa de 2014 foram os temas desta semana. Confira aqui!

default

A equipe francesa tinha o jogo nas mãos, até que o Sr. Zizou cometeu aquela agressão. Um final de tragédia grega: o herói, quase um semideus, se revela humano e fraco, com emoções que o fazem descer aos infernos!
Luiz Novaes

O grande poeta Zidane conseguiu estragar sua poesia! Uma carreira tão brilhante, inúmeras conquistas, campeão em 1998, um dos maiores gênios da bola, acaba sendo expulso. Ele deveria ter se controlado e mostrado sua fúria dentro de campo, e não batendo no que eu acho um jogador medíocre feito o Materazzi, que só vence o adversário à base de "xingamentos apelativos". Tá certo que não justifica o Zidane ter feito aquilo, mas o italiano foi muito mau-caráter, na minha opinião. Zidane será lembrado pelo seu futebol-arte, por sua magia com a bola, por ter feito da França uma seleção de sonhos... Ele será lembrado como um rei, que encantou o mundo, mas que emocionalmente foi fraco na decisão em 2006.
Diego Siqueira

"Zidane dá vexame e...". A manchete foi direta, e o que vem depois das reticências tornou-se irrelevante. Para sustentar essa idéia, G. Fortes evidencia em seu texto que Zidane "manchou o seu adeus com uma expulsão na prorrogação após uma cabeçada desleal no peito do zagueiro Materazzi". Uma cabeçada desleal... será? Acho inoportuno julgar lealdade em uma situação em que os acontecimentos e a trajetória que causaram o estopim, violência física, estão obscuros. O que aconteceu afinal? Onde tudo começou? Palavras são armas perigosas e não devemos nos esquecer disso. Vejamos o que dirão Materazzi e Zidane sobre isso para então julgar, se é que é possível! O herói Zizou é, acima de tudo, um ser humano!
Lara Fonseca

É triste ver um grande jogador como Zidane sair de cena desta forma. Para mim, depois de Pelé ("o Rei"), Maradona ("o deus argentino") e Romário (o cara da grande área), depois desses ele foi o melhor. Propositadamente, não citei Zico, Platini, Rummenigge, Beckenbauer, Matheus, Ronaldo e outros. Zidane não merecia sair de cena desta forma... A França também não merecia isso!
Marcos Antonio

Não se sabe ao certo o que o jogador italiano falou para Zidane, mas com certeza não foi nenhum elogio! Aliás deve ter sido alguma coisa horrível, para conseguir tirar o francês do sério. Um jogador maduro, competente, equilibrado, que estava tendo uma atuação brilhante até então. Uma pena que tenha se deixado provocar por um "João-ninguém"!
Giovana Castelo

Acho que os jogadores devem se controlar, pois vão sempre ouvir muitas coisas de jogadores que, não tendo capacidade técnica, apelam para este recurso desprezível. Contudo, não sabemos se a ocasião da expulsão foi a primeira vez que o italiano insultou Zidane e, sinceramente, não é possível agüentar determinados insultos. Zidane defendeu sua honra, como muitos de nós teriam feito! Se existe um culpado nisso tudo, é o italiano.

Fernando Itano

Fiquei perplexa com a atitude explosiva do jogador, mas posso imaginar que uma pessoa tão controlada durante todos os jogos deve ter tido um grande motivo para tal atitude. Percebe-se que o jogador italiano ofendeu ironicamente Zidane e que este, por sua vez, juntamente com toda a tensão de uma final, perdeu o controle resultando na explosão. Acho que o jogador italiano deveria ter sido expulso também, e as vaias dadas a Zidane foram desmerecidas.

Marilene Camadathi

A ofensa verbal pode ser reparada após o jogo, como no caso do Sr. Desabato. Não há necessidade de uma resposta tão desproporcional como uma cabeçada no peito de um jogador. Isso é um ato inescusável, violento e arrogante. Agiu certo o árbitro argentino em expulsá-lo. Também é certo a Fifa punir Materazzi, se for provado que houve agressão verbal grave.
Ricardo

O Pelé deu cotoveladas, o Maradona foi expulso, outros craques também tomaram atitudes explosivas... É natural do ser humano e o Zidane não é diferente. Ninguém gosta de ser ofendido.
Gilmar Chaves

Primeiro: o melhor jogador da Copa foi Canavarro... Ele foi muito mais constante durante toda a competição. Zidane é um jogador consagrado e, por isso mesmo, não é aceitável o destempero do mesmo. Ele não só não merecia o título de melhor jogador, como também deveria pegar uma suspensão de no mínimo cinco jogos.
Marcelo Lopes Pereira

Quase nada justifica a reação desse jogador. Mas se Zidane teve sua família insultada e ele foi chamado de terrorista e sua irmã de prostituta, reagiu como a maioria faria nesta situação.
Eduardo Trein

Zidane poderia ter se controlado, mas creio que na "pressão" da partida e provavelmente em função do que o italiano falou, o sangue deve ter fervido. É humano...
Elis Carmo

Uma agressão verbal pode doer mais do que um tapa na cara. Se o Materazzi realmente disse aquilo da mãe do Zidane, ele tinha mais era que levar uma cabeçada na boca, prá pensar duas vezes antes de falar de qualquer pessoa que não conhece. Agora, quando essa pessoa é a mãe..., aí meu amigo, deu no que deu....
Juliano José Ferreira


A lei física de que toda ação provoca uma reação é real. A reação pode ser contida em determinadas circunstâncias, motivada por vários fatores. A agressão deve ter sido mútua e Zidane não suportou o controle do racional em função das várias tensões emocionais e físicas presentes. Neste caso emerge o instinto animal, o racional desaparece. Isso pode ocorrer a qualquer pessoa. Zidane não pode ser culpado, talvez nem mesmo Materazzi, são episódios que emergem de disputas acirradas. Neste momento, provavelmente, os dois estão arrependidos, e se fosse possível, pediriam perdão um ao outro.
José Clarício Souza

Violência, nunca! Zidane poderia ter ignorado a ofensa. Pena que por falar bem italiano (morou cinco anos na Itália), tenha entendido tudo tão bem. Mas ele foi dominado pela ira e isso é imperdoável.
Lúcia C. R.

Na expulsão de Zidane, ficou provado pela tradução das frases feitas pela mídia do Brasil que o zagueiro Materazzi ofendeu a família de Zidane sem motivo, ofendeu sua irmã, chamando-a de prostituta, bem como ofendeu o próprio Zidane com palavras de baixo calão. Ninguém toma uma atitude extrema como tomou Zidane, se não foi injusta e gravemente provocado em sua honra. Zidane provou que é homem de brio e vergonha. Aliás, se a Fifa for uma entidade séria, deverá punir exemplarmente o zaqueiro Materazzi que, além de ter fama de muito violento, é desleal.
Ronaldo Chagas

Com certeza, a aposentadoria de Zidane será sentida, apesar do que aconteceu na última Copa. Foi um lance isolado, único, que não poderá manchar o nome daquele que será sempre lembrado como o "maestro" das grandes partidas!
Luiza Inoue

Não há dúvidas do quanto serão sentidas as aposentadorias de Zidane e Figo. Dois dos melhores jogadores de futebol do mundo, assim aclamados pela Fifa, e donos de um senso de oportunismo, visão de jogo e controle de bola ímpares. É bom, por um lado, saber do legado que deixam ao futebol. Tanto quanto é triste, para os fãs do esporte, não mais poder admirar as suas habilidades e gênios em campo. Zidane, o "jogador-flutuante", assim como declarou Juninho Pernambucano após a derrota do Brasil. Figo, "o meio-de-campo", armador de belíssimas jogadas. Dois exemplos raros de grande categoria, de duas seleções um tanto quanto "jovens" em tradição. A mim, cabe esperar que o esporte mundial não perca em competitividade com a saída desses dois.
Bruno Pagano

Leia sobre a proposta de uma Copa 2014 no Brasil