1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Zemin enfrenta protesto na Alemanha

Embora protegido por um esquema rigoroso, o presidente da China, Jiang Zemin, enfrentou protestos e um incidente no seu quarto dia na Alemanha, quando visitava pontos turísticos em Dresden, nesta quinta-feira (11). O chefe de Estado chinês foi recebido, no Hotel Kempinski Taschenbergpalais, ao meio-dia, por um grupo de compatriotas entusiasmados. Uma mulher saiu do grupo gritando o nome da seita proibida na China Falun Gong. Um agente chinês de segurança segurou a manifestante, policiais alemães a afastaram e proibiram os cinegrafistas de filmar a cena.

Na frente do Palácio da Cultura, em Dresden, mais de 50 adeptos da Falun Gong se reuniram, ao mesmo tempo, para uma meditação como protesto. Na parte da tarde, Jiang Zemin visitou a manufatura de porcelana Meissen, em companhia do governador da Saxônia, Kurt Biedenkopf, e um batalhão de guarda-costas e jornalistas. Sua visita à Alemanha terminará no sábado.