1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Wolfsburg defende liderança

O time da cidade da VW reafirma ser a sensação do Campeonato Alemão. Hannover e Bielefeld conseguiram ganhar pela primeira vez, enquanto Hertha Berlim continua sendo única equipe sem vitória.

default

Luta pelo controle da bola: Hleb (e), do Stuttgart, e Ramelow, do Leverkusen

A hierarquia na Bundesliga continua de cabeça para baixo: o Wolfsburg – em que ninguém teria apostado no início da temporada – defendeu a liderança na sexta rodada do Campeonato Alemão. A equipe não jogou bem contra o Kaiserslautern, no sábado (25/09), mas estava com a sorte do seu lado. A vitória por 2 a 1 assegurou ao clube da cidade da Volkswagen, por pelo menos mais uma semana, o melhor posicionamento de toda sua história. O técnico, o belga Eric Gerets, não acredita que seus jogadores tenham a fibra necessária para conquistar o título, mas alguns colegas começam a falar com maior respeito do clube que até agora nunca fora levado muito a sério. Afinal, das seis partidas disputadas nesta temporada, o Wolfsburg venceu cinco.

Bilderbox VfL Wolfsburg - 1. FC Kaiserslautern

Stuttgart e Bremen vencem e continuam em 2º e 3º

O Stuttgart teve um jogo fácil contra o Bayer Leverkusen, uma equipe que vem se destacando por vitórias fantásticas e derrotas consternadoras, que se sucedem num ritmo que ninguém consegue entender. O sábado foi de novo a hora de uma derrota amarga, por 3 a 0, contra o Stuttgart desfalcado de seu astro teuto-brasileiro Kevin Kuranyi, que ficou fora do campo por causa de uma contusão.

Na vitória do atual campeão, o Werder Bremen, sobre o Bochum, quem se destacou foi Miroslav Klose: o jogador nascido na Polônia preparou o primeiro gol do Werder e chutou três após o empate do Bochum, tornando perfeita a vitória por 4 a 1.

Bayern de Munique joga mal, mas ganha

Um mundo às avessas foi o que presenciaram os torcedores que compareceram ao Estádio Olímpico da capital da Baviera: Bayern de Munique jogou mal contra o Freiburg – que demonstrou muito mais garra durante a partida –, mas conseguiu uma vitória por 3 a 1.

O Borussia Mönchengladbach jogou em casa contra o Hansa Rostock. Embora estivesse ganhando por 2 a 0 ao fim do primeiro tempo, graças a Oliver Neuville, a equipe acabou engolindo dois tentos do adversário, e a partida terminou em empate.

Hannover e Bielefeld: até que enfim vitória

O Arminia Bielefeld, que subiu nesta temporada da segunda para a primeira divisão, conseguiu finalmente sua primeira vitória, vencendo o Nürnberg por 2 a 1. Outra equipe que fez pela primeira vez três pontos numa partida foi a do Hannover 96, que venceu o Schalke 04 por 1 a 0. A contratação do atacante brasileiro Aílton, campeão alemão e artilheiro da temporada passada, não trouxe até agora muita sorte ao Schalke, que contabiliza apenas seis pontos.

Com isso, o Hertha Berlim é agora o único clube sem nenhuma vitória nesta temporada. Depois de cinco empates – e de ter sido eliminado da Copa Alemanha pelo Eintracht Braunschweig – o clube de Marcelinho perdeu por 2 a 1 para o Hamburgo. Na partida realizada no domingo, o japonês Naohiro Takahara – que ultimamente só vinha sendo convocado para jogar na terceira divisão – acertou duas vezes a rede e salvou, pelo menos temporariamente, a situação para o técnico Klaus Toppmöller, que estava com a corda no pescoço: graças à vitória, o Hamburgo pulou da última para a 13ª posição na tabela.

Na última partida deste fim de semana, o Borussia Dortmund não conseguiu em casa mais do que um empate por 1 a 1 contra o Mainz, outra equipe que ascendeu da segunda para a primeira divisão e se encontra em quinto lugar na tabela.

Artilheiros

Graças aos três gols que fez na partida contra o Bochum, Miroslav Klose passou a liderar a tabela dos artilheiros da temporada, ao lado do brasileiro Éwerthon (Borussia Dortmund) e de Oliver Neuville (Borussia Mönchengladbach), com cinco tentos cada.

Cacau (Stuttgart) não acertou a rede nenhuma vez neste fim de semana e continua com quatro gols, França (Bayer Leverkusen) e Kuranyi (Stuttgart) têm cada um três.

Leia mais