1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Werder goleia, Bayern tem sorte e Hamburgo continua em alta

Hamburgo e Werder Bremen continuam no encalço Bayern de Munique na briga pelo título da Bundesliga 2005/2006. Nürnberg toma fôlego e provoca caos em Kaiserslautern.

default

Brasileiro Naldo (e) marcou seu primeiro gol para o Werder

A 13ª rodada da Bundesliga não alterou o topo da tabela, mas derrubou mais um treinador – o do Kaiserskautern, lanterna do certame, derrotado pelo Nürnberg, de técnico novo. Ainda no sábado, o Bremen aplicou uma goleada de 6 a 1 no Wolfsburg e o Bayern de Munique contou com muita sorte para vencer o Arminia Bielefeld. No domingo (20/11), o Hamburgo derrotou o Duisburg por 2 a 0 e continua na briga pelo título.

Hamburgo 2 x 0 Duisburg

O Hamburgo passou fácil pelo Duisburg e mostrou que está preparado para o confronto da próxima quinta-feira contra o Mônaco, pela Copa da Uefa. Barbarez (aos 39 min) e Lauth (aos 45 min) marcaram os gols da quarta vitória em casa na atual temporada, diante de 51 mil torcedores. O Duisburg até que se esforçou, no segundo tempo, mas não chegou a criar situações de perigo para o goleiro Wächter.

Stuttgart 2 x 2 Hannover

O dobro dos gols marcados em Hamburgo foi o que viram os torcedores no Daimler-Stadion em Stuttgart. O Hannover arrancou um 2 a 2 na casa do adversário – um presente para o novo técnico Peter Neururer, que ficou "parcialmente satisfeito". Tomasson marcou os gols do Stuttgart (aos 11 min do 1ºT e aos 23 do 2ºT); Hashemian (aos 13 do 2ºT) e Jankow (aos 24 do 2ºT) igualaram o marcador para o Hannover. "Tenho boa educação, mas chega de decisões contra nós", xingou o técnico do Stuttgart, Giovanni Trapattoni, referindo-se ao árbitro Peter Sippel.

Arminia Bielefeld 1 x 2 Bayern de Munique

A sorte esteve do lado do campeão alemão no sábado (19/11). Mesmo sem a presença de Michael Ballack, lesionado na coxa, o Bayern de Munique conseguiu a revanche para o 3 a 1 que levou do Arminia no ano passado. Os gols vieram tarde, quase no final do segundo tempo, através de dois gols de Claudio Pizarro (aos 37 min do 1ºT e 45 + 2 do 2ºT).

O marcador havia sido aberto por Isaac Boakye (15 min do 2ºT) do Arminia. Com a vitória, o Bayern continua na liderança do campeonato, cinco pontos à frente do segundo colocado, o Werder Bremen.

Werder Bremen 6 x 1 Wolfsburg

Duas semanas depois da derrota por 3 a 1 em Munique, o Werder tornou a se reencontrar em campo e mostra excelente preparo para a partida contra o Barcelona, na próxima terça-feira, pela Liga dos Campeões. O marcador foi aberto logo aos cinco minutos de jogo, pelo capitão Frank Baumann. Ainda na etapa inicial, Tim Borowski, em excelente atuação, marcou o 2 a 0 aos 43 min.

O mesmo Borowski ampliou aos 7 min e Miroslav Klose aos 15 e 39 min do 2ºT. Também o brasileiro Naldo teve sua chance de balançar as redes, aos 27 min da etapa complementar. O desconto para o Wolfsburg foi feito por Klimowicz, aos 12 do segundo tempo.

Colônia 2 x 2 Schalke

Bundesliga 13. Spieltag 1. FC Köln gegen FC Schalke 04

Kuranyi, do Schalke

Com o empate em Colônia, o Schalke perdeu uma boa chance de brigar pelas três primeiras posições na tabela do campeonato. Apesar de ter aberto o placar num primeiro tempo bastante movimentado, com um gol de Kuranyi aos 23 min, o Schalke por pouco não perdeu o jogo.

O Colônia estava vencendo por 2 a 1 (gols de Roland Benschneider aos 2 min e de Denis Epstein, aos 12 do 2ºT) quando Ebbe Sand igualou a quatro minutos do fim da partida. Assim, o Colônia terminou sua oitava partida consecutiva sem vitória.

Borussia Möchengladbach 1 x 1 Bayer Leverkusen

Mais uma tendência foi confirmada: pela 19ª vez e em 11 anos, o Borussia não venceu o clássico contra o Leverkusen. O marcador foi aberto pelo Leverkusen, através de Simon Rolfes, aos 5 min. O empate aconteceu nove minutos mais tarde, com Eugen Polanski.

Borussia Dortmund 2 x 0 Hertha Berlim

O Westfalenstadion continua uma fortaleza inconquistável para o Hertha, que vinha fazendo uma boa campanha nas últimas semanas. Completa-se assim o 33º ano em que o clube da capital alemã não vence em Dortmund.

A partida, que também marcou a quarta vitória consecutiva do Borussia, foi decidida por Ebi Smolarek, que marcou os gols aos 39 e aos 45 min de partida.

Kaiserslautern 1 x 3 Nürnberg

Bundesliga 13. Spieltag 1. FC Kaiserslautern gegen 1. FC Nürnberg

Nzelo Lembi (e) do Kaiserslautern, disputa a bola com Markus Daun, do Mainz

De técnico novo, o Nürnberg levou a melhor na briga entre o último e o penúltimo colocados no Campeonato Alemão. A estréia de Hans Meyer no comando do clube bávaro marcou o fim da sua "série negra". O gol de Stefan Blanks para os "diabos vermelhos" aos 18 min foi muito pouco, levando à demissão do treinador Michael Henke e à renúncia do presidente do clube René Jäggi.

Desta forma, a lanterninha da Bundesliga está sem direção. Os artilheiros do Nürnberg foram Ivica Banovic (17 min do 1ºT), Lars Müller e Igor Saenko, aos 33 e aos 36 min do 2ºT, respectivamente.

Mainz 2 x 2 Eintracht Frankfurt

Um lance no mínimo curioso marcou a partida: dois gols contra em questão de três minutos e logo no início do jogo, marcados por Nikolce Noveski, do Mainz (aos 3 e 6 min do apito inicial).

O mesmo jogador ainda marcou um tento para seu clube aos 25 do segundo tempo, antes de Petr Ruman empatar 20 minutos depois. A última vez em que um jogador (Dieter Bast) havia marcado dois gols para o adversário num jogo da Bundesliga foi em 1980, quando o Bochum perdeu pro 3 a 2 para o Mönchengladbach.

Leia mais