1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Volkswagen afasta diretores da Porsche e da Audi

Afastados devem assumir responsabilidade técnica pela fraude, que teria acontecido quando eles estavam no comando da P&D e da engenharia de motores da Volks. Montadora não comenta.

Três dos principais chefes de P&D (pesquisa e desenvolvimento) e engenharia do grupo Volkswagen deverão deixar seus cargos nesta sexta-feira (25/09), segundo informações apuradas pelo jornal Bild am Sonntag e pela revista Der Spiegel.

São eles Ulrich Hackenberg, que foi chefe de P&D da Volkswagen de 2007 a 2013 e é hoje diretor da Audi, uma subsidiária do grupo; Heinz-Jakob Neusser, sucessor de Hackenberg na P&D da Volks; e Wolfgang Hatz, que foi responsável por motores no grupo de 2001 a 2009 e hoje é diretor da Porsche, outra subsidiária.

A agência de notícias Reuters afirma que o chefe da Volkswagen nos EUA, Michael Horn, também deverá deixar o cargo.

As demissões dos executivos deverão ser anunciadas nesta sexta-feira pelo conselho de administração do grupo Volkswagen, que deve também anunciar o nome do sucessor do executivo Martin Winterkorn na presidência do conglomerado.

As demissões são uma consequência do escândalo de fraude nas emissões de poluentes por motores a diesel. O escândalo começou nos Estados Unidos, mas a fraude atinge cerca de 11 milhões de carros em todo o mundo.

Segundo o Bild, que cita apenas as demissões de Hackenberg e Hatz, os afastados deverão assumir a responsabilidade técnica pela fraude, que teria acontecido quando eles estavam no comando da engenharia da Volkswagen. Hackenberg está desde julho de 2013 na Audi, e Hatz, desde fevereiro de 2011 na Porsche.

Volkswagen, Audi e Porsche não comentaram as informações.

AS/ots/rtr/dpa

Leia mais