1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Virose não tira Rupprath do Europeu de Piscina Curta

Novo recordista mundial confirma presença no Campeonato Europeu de Piscina Curta, em Antuérpia. Rupprath é a maior esperança de medalhas da Alemanha, que participa com delegação desfalcada.

default

Sandra Volker não nadará em Antuérpia

Apesar de uma infecção viral, a nova estrela da natação alemã confirmou sua presença no Campeonato Europeu de Piscina Curta, que começa nesta quinta-feira em Antuérpia, Bélgica. Thomas Rupprath, 24 anos, tem uma meta bem definida: bater o recorde mundial de Neil Walker (50s75) nos 100 metros costas. "Se estiver em forma, posso tirar os cinco centésimos", diz Rupprath, referindo-se à diferença que faltou para quebrar a marca do americano há duas semanas.

No Campeonato Alemão em Rostock, o nadador conseguiu a façanha de registrar seu primeiro recorde mundial, além de dois europeus e mais três alemães. Um desempenho comparável somente ao de Michael Gross, nos anos 80. Apesar da saúde abalada, Rupprath surpreendeu, sábado, ao superar a melhor marca alemã nos 50 metros borboleta, durante um treino em piscina olímpica, em Dortmund. O rapaz prodígio fez o percurso em 23s82.

Em Antuérpia, devido ao programa de competições, Rupprath se concentrará em defender seus títulos europeus nas provas de 100 metros borboleta e costas. O alemão é um dos poucos nadadores em atividade que conquistaram medalhas em todos os campeonatos europeus de piscina curta de que participou. Desde o primeiro em 1996, a Alemanha faturou 100 medalhas (34 de ouro, 40 de prata e 26 de bronze), liderando o ranking continental, à frente da Grã-Bretanha (65) e Suécia (57).

Desfalques - Desta vez, a delegação alemã participa bastante desfalcada da competição em Antuérpia. A recordista mundial Franziska van Almsick, as campeãs mundiais Hannah Stockbauer e Sandra Völker estão longe de sua melhor forma e não foram convocadas. Já Antje Buschschulte, Annika Mehlhorn e Torsten Spanneberg estão adoentados. "Mas nós ainda temos bala na agulha", garante Ralf Beckmann, treinador da Federação Alemã de Natação (DSV). "Além de Thomas Rupprath, penso em Mark Warnecke, Stev Theloke, Jörg Hoffmann, Nicole Hetzer e sobretudo nas equipes de revezamento."

Hoffmann, que completará 32 anos no fim de janeiro, retornou às competições no Campeonato Alemão em Rostock e surpreendeu ao nadar os 1500 metros em 14min46s00, mais rápido do que quando venceu a prova no Campeonato Mundial de 2000, em Atenas.

Ao todo, o Campeonato Europeu de Piscina Curta em Antuérpia reunirá 370 atletas de 35 países. No centro das atenções estarão os holandeses campeões olímpicos Inge de Bruijn e Pieter van den Hoogenband e o sueco campeão mundial de piscina curta Lars Frölander.

Leia mais

Links externos