1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Uruguai e Inglaterra jogam em São Paulo pela sobrevivência na Copa

Após estrearem com derrota, as duas equipes se enfrentam precisando da vitória. Uruguai perde o capitão Lugano, mas aguarda o retorno de Luis Suárez. Ingleses esperam melhor rendimento do craque Wayne Rooney.

Uruguai e Inglaterra se enfrentam nesta quinta-feira (18/06) com a mesma obrigação: lutar até o fim pela vitória. As duas equipes sofreram amargas derrotas na primeira rodada do Grupo D: os ingleses perderam para a Itália por 2 a 1, e o Uruguai foi derrotado de modo supreendente pela Costa Rica, por 3 a 1. Uma derrota na partida no Itaquerão significará a eliminação para as duas seleções campeãs mundiais.

O capitão uruguaio Diego Lugano está fora do duelo com os ingleses devido ao agravamento de uma contusão no joelho esquerdo. Ele deverá ser substituído por José María Giménez, jogador do Atlético de Madrid. Lugano, que até pouco tempo atrás defendia o West Bromwich Albion, da Inglaterra, considera a equipe do técnico Roy Hodgson favorita.

"O futebol inglês, em todos os sentidos, é superior ao uruguaio", afirmou. "Antes do início do torneio, sabíamos que tínhamos um grupo difícil. O desafio agora é enorme, mas isso motiva muito os jogadores uruguaios."

A boa notícia para os uruguaios é a volta do maior goleador da história da "Celeste", Luis Suárez. O atacante está recuperado de uma lesão no joelho esquerdo, que havia deixado ameaçada a sua participação no Mundial.

O técnico Oscar Tabárez terá que realizar mudanças em relação à equipe que começou a partida contra a Costa Rica. Com o defensor Maximiliano Pereira suspenso, após ser expulso no jogo de estreia, e Lugano machucado, ele terá que jogar com a zaga reserva. Além disso, ele estuda outras alterações para tentar frear a seleção inglesa, que, na sua opinião "foi superior á Itália durante a maior parte da partida e merecia melhor sorte no placar final."

Interaktiver WM-Check 2014 Trainer Uruguay Tabárez

O técnico do Uruguai, Oscar Tabárez

Na seleção inglesa, o técnico Roy Rodgson também deverá mexer na equipe. A grande dúvida está na escalação ou não do craque Wayne Rooney. Jogando fora de sua posição habitual, sua atuação na derrota para a Itália foi bastante criticada. Ele mesmo reconhece que precisa melhorar para permanecer como titular.

"Por que eu acharia que meu lugar está garantido? Eu nunca disse isso. Quero jogar e sei que tenho que trabalhar muito para isso. Perdemos o jogo, mas participei do nosso gol", declarou o jogador após a derrota para a Itália.

O técnico inglês também mantém sigilo sobre a escalação para o duelo com o Uruguai. Quanto a Rooney, Hodgson admitiu que terá que rever o posicionamento do camisa 10. Ao invés de colocá-lo no lado esquerdo do ataque, como fez contra a Itália, Rooney deverá jogar mais próximo do gol. "Quero vê-lo atuando dentro da área. Sem dúvida, será melhor para ele", afirmou Hodgson.

Prováveis escalações

Uruguai: Fernando Muslera; Martín Cáceres, José María Giménez, Diego Godín, Álvaro Pereira e Jorge Fucile; Álvaro González, Egidio Arévalo Rios, Nicolás Lodeiro, Cristian Rodríguez; Luis Suárez e Edinson Cavani.

Inglaterra: Joe Hart; Glen Johnson, Gary Cahill, Phil Jagielka e Leighton Baines; Raheem Sterling, Steven Gerrard, Jordan Henderson, Danny Welbeck e Wayne Rooney; Daniel Sturridge.

Interaktiver WM-Check 2014 Keyplayer England Rooney 17669191

Wayne Rooney, da Inglaterra

Local

Itaquerão, São Paulo

Arbitragem

Carlos Velasco Carballo (Espanha), auxiliado por seus compatriotas Roberto Alonzo Fernandez e Juan Yuste.

Destaques

Uruguai

Luis Suárez: Grande desfalque no jogo de estreia, o goleador uruguaio de 26 anos poderá fazer a diferença contra a Inglaterra. Ele foi o artilheiro das Eliminatórias, com 11 gols em 14 jogos. O craque do Liverpool é o maior goleador da história da Celeste, com 39 gols.

Inglaterra:

Raheem Sterling: O jovem talento do Liverpool é umas das novas promessas do futebol inglês. A boa atuação na temporada 2013/14 no Campeonato Inglês garantiu a sua convocação para a Copa. Sterling marcou o único gol da Inglaterra no jogo de estreia contra a Itália.

Retrospecto

Uruguai e Inglaterra se enfrentaram apenas duas vezes em Copas do Mundo, com duas vitórias da Celeste: em 1954 (4 a 2) e 1990 (2 a 1). No total, foram dez partidas, com quatro vitórias inglesas e três uruguaias.

Último confronto

O último encontro entre as duas seleções foi em um jogo amistoso em Londres, em março de 2006, com vitória inglesa por 2 a 1.

Leia mais