1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Universidade revoga título de doutorado da ministra alemã da Educação

Conselho da Faculdade de Filosofia da Universidade de Düsseldorf concluiu por ampla maioria que Annette Schavan cometeu plágio em sua tese, defendida em 1980. Ministra afirma que vai recorrer a tribunal administrativo.

A Universidade de Düsseldorf anunciou na noite desta terça-feira (05/02) o resultado da análise da tese de doutorado da ministra alemã de Educação, Annette Schavan (CDU). Por 12 votos a favor, dois contra e uma abstenção, o Conselho da Faculdade de Filosofia decidiu retirar o título de doutora concedido a Schavan em 1980 por constatação de plágio em sua tese.

Segundo o decano da faculdade, Bruno Bleckmann, a ministra teria, "de forma sistemática e deliberada, desenvolvido reflexões acadêmicas que, na verdade, não partiram dela própria".

Schavan anunciou que vai recorrer ao Tribunal Administrativo de Düsseldorf. As primeiras acusações de plágio contra a ministra do partido de Angela Merkel surgiram em maio do ano passado na internet. A oposição pede a renúncia de Schavan por não considerá-la apta a dar exemplo no Ministério da Educação.

CN/dpa/afp
Revisão: Francis França

Leia mais