Universidade cassa título de doutor de ministro alemão acusado de plágio | Notícias sobre política, economia e sociedade da Alemanha | DW | 24.02.2011
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Universidade cassa título de doutor de ministro alemão acusado de plágio

Devido a "consideráveis violações" em sua tese de doutorado, a Universidade de Bayreuth retirou o título de doutor em Direito do Ministro da Defesa da Alemanha, Karl-Theodor zu Guttenberg.

default

Karl-Theodor zu Guttenberg: ministro em dificuldades

A Comissão de Pós-Graduação da Faculdade de Direito e Ciências Econômicas da Universidade de Bayreuth anunciou na noite desta terça-feira (23/02) ter chegado à conclusão que o ministro Karl-Theodor zu Guttenberg violou "consideravelmente" as regras dos doutorados, não creditando corretamente as fontes e a bibliografia utilizadas em seu trabalho.

O reitor Rüdiger Bormann disse que o título foi revogado sem que fosse provado que o ministro teve intenção de enganar a universidade. A instituição anulou o título de Guttenberg após ele próprio ter anunciado que não mais o utilizaria. Segundo Bormann, em um caso como este, quando ambas as partes estão de acordo, o caminho escolhido é o mais curto.

Críticas da oposição

Ainda na quarta-feira, antes da divulgação pela universidade, Guttenberg teve de prestar explicações ao Parlamento alemão. Políticos de oposição haviam pedido à chanceler federal Angela Merkel que afastasse o ministro do cargo, acusando-o de "impostor" e "mentiroso".

A chefe de governo Angela Merkel comentou a decisão da universidade como certa e lógica. O ministro, no entanto, permanece na pasta.

FC/dpa/afp
Revisão: Roselaine Wandscheer

Leia mais