1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

UE deve ratificar o Protocolo de Kyoto antes de junho

Os países membros da União Européia ratificarão o Protocolo de Kyoto até junho próximo, no mais tardar.

default

Greenpeace promoveu manifestação durante a reunião dos ministros em Bruxelas

Segundo o ministro alemão do Meio Ambiente, Jürgen Trittin, a Europa cumprirá desta forma o seu papel de pioneira na proteção ao clima. O Protocolo de Kyoto, sobre uma redução das emissões de gases causadores do efeito estufa, deverá entrar em vigor a partir de setembro.

No documento, a União Européia comprometeu-se a lograr até o ano de 2012 uma redução das emissões em 8%, tendo os níveis de poluição de 1990 como ponto de partida. Em 1998, os quinze países membros da UE acertaram entre si as cotas de redução, a fim de que tal meta possa ser alcançada. De acordo com este consenso, a Alemanha deverá reduzir as suas emissões em 21%. Até agora, logrou-se uma redução de 18,6%, conforme dados oficiais do governo alemão.

Prazo – Os países da União Européia têm de ratificar o Protocolo de Kyoto até o dia 1º de junho, no mais tardar, a fim de que a certidão correspondente possa ser apresentada à conferência de cúpula do Desenvolvimento Sustentável, que se realizará em Joanesburgo, no mês de setembro.

O Protocolo só entra em vigor depois que for ratificado por 55 países, que sejam – ao mesmo tempo – responsáveis por pelo menos 55% das emissões mundiais. Depois da posse do presidente George W. Bush, o governo dos Estados Unidos decidiu não ratificar o documento.

O governo federal alemão já enviou o projeto de lei para a ratificação pelo Parlamento federal, o Bundestag. O ministro Jürgen Trittin conta com a sua aprovação nos próximos meses. O Protocolo de Kyoto deverá contar com o apoio não apenas dos partidos da coalizão governamental, mas também da oposição.

Leia mais