1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

UE condena correio alemão a devolver 572 milhões de subvenções

A empresa de correios alemã, Deutsche Post AG, foi obrigada a reembolsar subvenções, num valor total de 572 milhões de euros, ao governo alemão. A decisão foi tomada pela Comissão da UE, nesta quarta-feira (19), em Luxemburgo.

Desde 1999 as autoridades de Bruxelas investigam se a Deutsche Post AG utilizou o dinheiro do comércio de cartas, que é direito exclusivo da empresa alemã, para subvencionar o setor de pacotes, que é livre de qualquer monopólio. O monopólio nacional no envio de cartas até 100 gramas é o setor mais rentável, enquanto os pacotes dão prejuízo.

A empresa e o governo, acionista majoritário dos correios, desaprovaram a exigência e a Deutsche Post pretende recorrer à Corte Européia de Justiça. Este é um dos maiores reembolsos exigidos pela UE desde 1999, quando o banco estadual alemão WestLB foi obrigado a devolver 808 milhões de euros em subvenções.