1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

UE ajuda América Latina com € 300 milhões

Fundos de cooperação econômica destinam-se a programas sociais, intercâmbio estudantil, consolidação da democracia e desenvolvimento da sociedade da informação.

A União Européia quer intensificar sua cooperação com a América Latina. Nos próximos cinco anos, a UE vai investir cerca de 300 milhões de euros em programas de combate à pobreza e à injustiça social bem como de prevenção a catástrofes naturais em países latino-americanos.

É o que anunciou, nesta segunda-feira (22), a Comissão Européia, braço executivo do bloco econômico. Segundo dados da UE, 40% dos latino-americanos vivem em situação de extrema pobreza.

Parceria - O comissário de Relações Exteriores da UE, Chris Patten, classificou a ajuda como "sinal visível da consolidação da parceria entre Europa e América Latina, iniciada no encontro de cúpula do Rio em 1999". A intenção dos europeus é incentivar o desenvolvimento econômico do continente, mas também prestar uma contribuição à estabilização das estruturas democráticas.

O plano da UE, complementar aos projetos financiados em âmbito regional ou nacional, prevê, entre outras medidas, investimentos no setor de informação, um programa de intercâmbio estudantil e o treinamento de pessoal técnico para enfrentar catástrofes.

Representantes da UE e da América Latina realizam, no próximo dia 17 de maio, um novo encontro de cúpula em Madri, para discutir o aprofundamento da cooperação bi-regional.