1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Ucrânia emite ordem de prisão para Yanukovytch

Presidente destituído pelo Parlamento é procurado por assassinato em massa de civis. Desde que abandonou Kiev, seu paradeiro é desconhecido.

O Ministério do Interior ucraniano emitiu nesta segunda-feira (24/02) uma ordem de detenção para o ex-presidente Viktor Yanukovytch – destituído pelo Parlamento no sábado – sob a acusação de assassinato em massa de civis nos protestos das últimas semanas.

"Foi aberto um processo penal por assassinato em massa de cidadãos pacíficos. Yanukovytch e outros funcionários de alto escalão estão sendo buscado", escreveu no Facebook o ministro do Interior em exercício, Asden Avakov.

O paradeiro de Yanukovytch segue desconhecido. O Serviço Nacional de Segurança diz que não sabe onde ele se encontra, embora acredite que continue no país. De acordo com as autoridades ucranianas, o ex-presidente chegou a tentar sair da Ucrânia num avião particular, mas o voo não foi autorizado a cruzar a fronteira.

Ao deixar o poder, Yanukovytch disse que não houve uma revolução, mas um golpe de Estado na Ucrânia. A bancada parlamentar de sua legenda, o Partido das Regiões, o culpou, em uma declaração institucional, pela situação criada no país.

Nesta segunda-feira, a Ucrânia inicia as negociações para tentar formar um governo de coalizão. A chefe da diplomacia europeia, Catherine Ashton, está em Kiev para debater com membros do novo governo o futuro político e econômico ucraniano.

RPR/afp/ap/rtr/efe

Leia mais