1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futebol

Tribunal ratifica punição a Suárez, mas o libera para treinos

Atacante que mordeu adversário na Copa teve confirmada suspensão de quatro meses sem jogar e nove partidas sem atuar pela seleção uruguaia. Mas juízes anularam exclusão do atleta de "atividades ligadas ao futebol".

O Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) ratificou nesta quinta-feira (14/08) a suspensão dos campos de quatros meses e nove partidas pela seleção uruguaia para o atacante Luis Suárez pela mordida dada num zagueiro rival durante a Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Porém, a corte autorizou o jogador a treinar e a assistir aos jogos do seu novo clube, o Barcelona.

Segundo anunciou em comunicado, o tribunal considerou que as sanções impostas ao atleta são "em geral, proporcionais à ofensa cometida", mas viu como "excessivas" sua exclusão das atividades ligadas ao futebol.

Suárez teve sua suspensão anunciada pela Fifa dia 25 de junho, tendo sido proibido de realizar "qualquer atividade relacionada ao futebol" por quatro meses, por morder o italiano Giorgio Chiellini, durante partida da Copa. Entre as proibições estavam a entrada em estádio, assistir a treinos e participação em eventos de publicidade ou realizar tarefas administrativas. Era a terceira vez que o uruguaio mordia alguém em campo.

Fifa WM Italien Uruguay Chiellini Bissspuren Suarez

Italiano Giorgio Chiellin mostra marca da mordida

A sanção sobre as atividades relacionadas ao futebol foi considerada pelo TAS não apropriada, por poder, segundo o órgão, ter impacto sobre a atividade do jogador após a punição.

Depois de perder um recurso apresentado à Fifa, Suárez havia levado o caso ao TAS, que realizou uma audiência sobre o assunto na sexta-feira passada.

O uruguaio era jogador do Liverpool quando o incidente ocorreu na Copa do Mundo, tendo sido mais tarde contratado pelo Barcelona por 81 milhões de euros, segundo informações veiculadas na mídia.

O atacante pode retornar aos gramados oficialmente em 26 de outubro, exatamente quando o Barcelona visita o Real Madrid no primeiro clássico da próxima temporada do Campeonato Espanhol, que começa no próximo dia 24.

Esta é a terceira vez que Suárez é suspenso por morder um jogador adversário. Ele se envolveu em incidentes semelhantes quando jogava pelo Ajax, da Holanda, e pelo Liverpool, durante a temporada 2012/13. Na última ocasião, ele foi punido com dez jogos de suspensão.

Leia mais