1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Tremor causa mortes e danifica prédios históricos na Itália

Um forte terremoto abalou o nordeste da Itália na madrugada de sábado para domingo. O abalo causou a morte de ao menos seis pessoas e danificou diversas construções históricas.

Um terremoto de magnitude 5,9 graus na escala Richter abalou o nordeste da Itália, provocando a morte de ao menos seis pessoas.

Segundo o canal de televisão italiano Rai, dois trabalhadores morreram em uma fábrica de cerâmica, um outro, em uma fundição. Outro corpo foi encontrado sob os escombros de um prédio numa área industrial em Bondeno, a oeste de Ferrara, relatou a agência de notícias Ansa.

O número exato de feridos permanecia incerto até a tarde deste domingo. A televisão italiana Rai relatou haver 50 feridos.

De acordo com a Ansa, uma alemã de 37 anos sofreu um colapso circulatório após ter entrado em pânico. A mulher se encontrava a trabalho na região de Bolonha. Uma italiana de 103 anos de idade morreu ao ser atingida por escombros que caíram sobre sua cama.

O terremoto abalou a região de Emilia-Romagna no início na manhã de domingo (20/05). O epicentro foi localizado a uma profundidade de dez quilômetros, perto do município de Finale Emilia, ao norte de Bolonha. O terremoto foi claramente sentido em Ferrara, Rovigo, Verona e Mântua.

Danos em edifícios históricos

A terra voltou a tremer diversas vezes no decorrer do domingo. As primeiras imagens de televisão mostraram sérios danos a prédios históricos e estabelecimentos agrícolas. Vários prédios foram danificados na cidade de Ferrara, que é Patrimônio Histórico da Humanidade, conforme a Unesco.

Em muitos lugares, as pessoas correram em pânico nas ruas. As autoridades pediram que os cidadãos na zona do terremoto não voltem a entrar em suas casas.

O tremor foi o segundo maior na região este ano. Em janeiro, ocorreram terremotos de grau 5,3 em Gênova, Bolonha, Turim e Milão. Não houve feridos. O mais recente grande abalo sísmico na Itália ocorreu em 2009 na cidade de Áquila, com magnitude de 6,3 graus. Cerca de 300 pessoas foram mortas e dezenas de milhares ficaram desabrigadas.

MD/dpa/dadp/rtr/afp
Revisão: Alexandre Schossler

Leia mais