1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Torcedor alemão vence a Fifa na Justiça

Torcedor que adquiriu ingressos no mercado negro para as quartas-de-final da Copa do Mundo terá o direito a assistir às partidas.

default

Disputa pelo bilhete é grande

A Justiça alemã ordenou nesta quinta-feira (20/04) que o Comitê Orgnizador (CO) da Copa do Mundo de 2006 permita ao torcedor Björn Kracht, de Essen, utilizar os ingressos adquiridos em um site de leilões da internet em setembro do ano passado.

Entretanto, a Justiça advertiu que tal decisão não significa que a Federação Alemã de Futebol (DFB) e o CO sejam obrigados sempre a alterar nomes nos ingressos já comercializados, quando isso for solicitado por um portador.

Kracht comprou no mercado negro dois ingressos para partidas das quartas-de-final do Mundial, por 880 euros cada, valor oito vezes superior ao praticado originalmente pela Fifa.

Björn Kracht

Kracht: 'Ganhei', por 8x mais

O Tribunal de Frankfurt anunciou que os organizadores devem concordar com os argumentos do torcedor e com o seu pedido de alterar a nomeação do titular dos bilhetes, já que ele os adquiriu antes da abertura do site oficial em que torcedores podem comercializar ingressos. As entradas para os jogos da Copa são individuais e identicadas pelo nome do portador.

Os organizadores imprimem o nome do comprador no ingresso para restringir a ação do mercado negro e aumentar a segurança durante a Copa.

Leia mais