1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futurando!

Top 5 - Cinco destinos ecoturísticos

Conheça alguns dos mais impressionantes destinos para amantes da natureza, recomendados pela Sociedade Internacional de Ecoturismo.

O movimento ambientalista garantiu força ao ecoturismo. Ao longo dos anos, a atividade se fortaleceu com a discussão de um turismo mais responsável. Com Amazônia, Mata Atlântica, Campos Sulinos, Caatinga, Cerrado, Pantanal e zonas Costeira e Marítima, o Brasil apresenta um cenário rico para o segmento e ampla possibilidade de roteiros. É um dos países com maior biodiversidade pela riqueza de seus biomas. No entanto, a responsável pelo reconhecimento mundial do ecoturismo é a Austrália.

A expansão do setor é um fenômeno mundial. A Organização Mundial do Turismo (OMT) considera o segmento um dos que mais cresce na indústria do turismo e define o ecoturismo como "toda forma de turismo em que a motivação principal do viajante é a observação e apreciação da natureza, de forma a contribuir para a preservação."

Pela interação entre turistas e natureza, o ecoturismo possibilita a promoção da conscientização ambiental. Além disso, ajuda a consolidar o patrimônio ambiental e busca fazer dos parques nacionais a porta de entrada do turista. Confira alguns dos destinos mais recomendados pela Sociedade Internacional de Ecoturismo.

1. Austrália

O país dos cangurus é emblemático, pioneiro e líder no cenário de ecoturismo. Com belas paisagens naturais, é reconhecido mundialmente no segmento. A trajetória do país em relação às práticas turísticas com ênfase para o meio ambiente ajuda a entender o porquê. Foi lá que, em 1996, foi criada a Eco, a primeira certificação ambiental para a indústria do turismo no mundo. Esta marca, reconhecida em todo o planeta, auxilia os viajantes a escolher e experimentar um autêntico roteiro ecoturístico. Destinada a operadores de turismo de natureza, a certificação fornece aos viajantes uma garantia de que a experiência é apoiada por um compromisso com as melhores práticas de sustentabilidade, gestão de áreas naturais e ecoturismo de qualidade.

2. Quênia

Um dos mais espetaculares parques nacionais da África fica no Quênia. O país de beleza estonteante situado na África Oriental é um dos principais destinos africanos para safári, mas oferece aos turistas atrativos que vão além dos estereótipos. Não por acaso, o país vai sediar este ano a Conferência Mundial de Ecoturismo e Turismo Sustentável, de 24 a 27 de setembro. A mais popular reserva animal do Quênia é o Masai Mara, onde o visitante pode ter acesso a uma fantástica observação da vida selvagem durante o ano todo. O Monte Quênia é a segunda montanha mais alta da África, com 5.199 metros de altitude e um pico sempre coberto de neve, mesmo situado na linha do Equador.

3. Brasil

Amantes da natureza encontram um apelo ecológico irresistível no Brasil. O turismo ecológico no país ganha evidência com parques como Aparados da Serra (RS), Fernando de Noronha (PE) e o Pantanal (MT), reconhecido pela Unesco, no ano 2000, como Patrimônio Natural Mundial e Reserva da Biosfera. Além deles, a Amazônia é um dos destinos ecoturísticos brasileiros mais conhecidos. Outras atrações imperdíveis para apreciadores do ecoturismo são a Chapada Diamantina (BA) e as cidades de Bonito (MS) e Foz do Iguaçu (PR) – que abriga uma das mais espetaculares cataratas do planeta, reconhecida também pela Unesco, em 1986, como Patrimônio Natural da Humanidade.

4. Índia

Único país da Ásia a aparecer na lista da Sociedade Internacional de Ecoturismo, a Índia reserva paisagens belíssimas e extraordinária biodiversidade a ser descoberta. O elefante indiano, com apenas 591 indivíduos registrados, está entre os animais mais ameaçados do mundo. Das neves do Himalaia para a península cultivada do extremo Sul, dos desertos do oeste para os deltas úmidos do leste, estilos de vida indianos claramente glorificam a geografia. O estado de Kerala é pioneiro no conceito de turismo responsável na Índia. Esta forma holística de turismo agrada os visitantes, ao passo que promove benefício econômico para o comércio local, sem causar qualquer dano ecológico ou social. Comprovadamente, o turismo responsável proporciona melhores condições de vida à comunidade. Um local ideal para procurar a biodiversidade é o Parque Nacional de Eravikulam, em Kerala. Os souvenirs mais comuns de Kerala estão disponíveis numa variedade de itens atrativos e peças únicas feitas à mão.

5. Estônia

Situado na costa do Báltico entre Rússia, Finlâdia, Letônia e Suécia, o território da Estônia é semelhante ao da Holanda, mas com uma população significativamente menor, de apenas 1,4 milhão de habitantes, o que significa que há muito espaço para a natureza. Cerca de 50% do país é coberto por florestas e bosques. A Estônia é o lar de lobos, ursos pardos e linces. A diversidade de aves é uma das mais ricas da Europa, colocando o país entre os destinos preferidor para observação de pássaros. Com sorte, é possível avistar ursos e águias. Mais de 18% das terras da Estônia e 30% do território maritmo são áreas protegidas, que incluem cinco parques nacionais e reservas naturais. A costa da Estônia tem centenas de praias desertas. Mesmo no auge do verão, é possível encontrar um cantinho exclusivo.

Links externos