1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Tempestade mata mais de 15 pessoas no norte da Europa

Chuvas fortes e ventos de até 200 quilômetros por hora causaram danos de grandes proporções na Alemanha, Suécia e Grã-Bretanha.

default

Vendaval derruba catavento no norte da Alemanha

O primeiro dia de fortes chuvas este ano em todo o norte da Europa começou nesta segunda-feira (28) à tarde. A tempestade iniciou-se sobre o Oceano Atlântico, passou pela Irlanda, atravessou o Inglaterra, atingiu a Alemanha e se dissipou na Polônia, durante a madrugada de terça-feira.

Na Alemanha, o estado de Schleswig-Holstein, na divisa com a Dinamarca, foi o mais atingido pelo temporal. Casas foram destelhadas, árvores arrancadas do chão e até mesmo um gerador de energia eólica foi derrubado pelos fortes ventos.

O mau tempo foi responsável pela morte de pelo menos seis pessoas na Alemanha. Um homem de 49 anos em Bremen e uma aposentada de 78 da região de Düsseldorf morreram soterrados por árvores carregadas pelo vento.

Em Brandemburgo, no Leste do país, um motorista de 51 anos perdeu a vida atingido por uma árvore arrancada do solo pela força do vento.

Carros arremessados - Na cidade de Osnabrück a carroceria de um caminhão tombou sobre um carro de passeio, matando um homem de 43 anos. Outro acidente de trânsito aconteceu em uma estrada do estado da Baixa Saxônia. Um carro foi atirado contra uma árvore pelo vento e seu motorista de 45 anos faleceu no local.

Na Polônia, as ondas do Mar do Norte avançaram sobre o continente, onde árvores foram derrubadas e carros arrastados. Pelo menos duas pessoas morreram e mais de mil casas ficaram sem energia elétrica.

O problema de fornecimento de eletricidade foi mais grave no sul da Suécia, onde 100 mil residências ficaram sem energia. O perigo de enchente nas cidades da costa do Mar do Norte fizeram com que muitos suecos fossem obrigados a deixar suas casas. Os fortes ventos também interromperam o trânsito da ponte entre a Suécia e a Dinamarca, para evitar que carros fossem arremessados ao mar.

Os ventos de quase 200 quilômetros por hora que atingiram a Grã-Bretanha causaram a morte de sete pessoas. Cinco delas tiveram seus carros arremessados pelo temporal no norte da Inglaterra. Em York, uma mulher foi soterrada por entulhos e na Escócia um homem foi atingido por uma árvore.