1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Tempestade leva ao cancelamento de desfiles de Carnaval na Alemanha

Mainz e Düsseldorf, anunciam que desfiles de segunda-feira, ponto alto da festa, serão adiados por razões meteorológicas. Em Colônia parada ocorre com restrições, apesar de previsão de ventos de até 100 km por hora.

default

Foliões foram surpreendidos com cancelamento de desfiles

Após o alerta do Serviço Meteorológico Alemão sobre a tempestade Ruzica, várias cidades do oeste da Alemanha cancelaram os tradicionais desfiles de Carnaval nesta segunda-feira (08/02). Meteorologistas previam que ventos de até 100 quilômetros por hora podem atingir a região.

A primeira cidade a cancelar a parada da Rosenmontag (Segunda-feira das Rosas) foi Mainz, ainda no domingo, onde eram esperados cerca de 500 mil foliões. "Com o coração pesado, mas com a sensação de ter tomado a decisão certa, cancelamos o desfile da segunda-feira", anunciou o presidente da Associação do Carnaval de Mainz, Richard Wagner.

Düsseldorf anunciou o cancelamento do desfile na manhã de segunda-feira. As paradas em ambas as cidades, junto com Colônia, são as maiores do país. Essa não é a primeira vez que desfiles são cancelados devido às condições meteorológicas. Em 1990, uma forte tempestade levou ao cancelamento da festa em Düsseldorf

O Comitê do Carnaval de Düsseldorf anunciou que a parada será remarcada o mais rápido possível. Mainz também pretende marcar uma nova data para o evento. Por questões de segurança devido à tempestade, diversas cidades no oeste alemão, entre elas Münster, Essen, Dortmund, Duisburgo e Koblenz, também cancelaram os desfiles.

Apesar do cancelamento, um grupo de foliões fantasiados se reuniu no centro de Mainz para festejar. Grupos de carnaval também não deixaram o dia passar em branco e organizaram um pequeno desfile com banda pela cidade.

Köln Deutschland Karneval Rosenmontag

Em Colônia, desfile ocorre com restrições

Rosenmontag em Colônia

Em Colônia, a parada da segunda-feira teve início pontualmente às 10h00 (horário local), reunindo milhares de foliões apesar da chuva, que passou no decorrer do evento. O desfile aconteceu com várias restrições. Por medida de segurança, cavalos, bandeiras, placas e bonecos grandes tiveram que ficar de fora do evento neste ano.

A prefeitura de Colônia e o comitê organizador da festa afirmaram estar em contato constante com o serviço meteorológico e podem interromper rapidamente o desfile, caso as condições meteorológicas piorem.

Os desfiles da Segunda-Feira das Rosas são o ápice do Carnaval alemão que teve início na quinta-feira (Weiberfastnacht) , indo atá a Quarta-Feira de Cinzas.

CN/dpa/afp

Leia mais