1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Tempestade devasta o Norte da Alemanha e faz três mortos

Árvores caídas, casas destelhadas, destroços espalhados, a polícia e o corpo de bombeiros continuavam tendo muito trabalho, nesta quarta-feira de manhã (27) para combater os efeitos da forte tormenta.

default

Bombeiros retirando árvores caídas

A tempestade trouxe ventos de até 180 km por hora. "Foi a pior tempestade que presenciei em Hamburgo", confessou Peter Braun, porta-voz do corpo de bombeiros.

Milhares de árvores foram derrubadas ou arrancadas, casas destelhadas e placas lançadas pelo vento. As rodovias e ferrovias estiveram bloqueadas durante várias horas. Em Kiel, Westerland e na ilha de Sylt (Mar do Norte), as autoridades pediram à população para não sair de casa, para evitar serem atingidos por destroços que voavam.

Três mortos – Em Hamburgo, duas mulheres foram esmagadas por uma árvore, quando estavam saindo do seu carro. Na Baixa Saxônia, um pai de família, que viajava de automóvel com seus dois filhos, foi atingido por uma árvore em plena rodovia. As crianças escaparam ilesas. Um barco búlgaro, que estava ancorado no porto de Cuxhaven, soltou-se e ficou à deriva. Um membro da tripulação sofreu ferimentos.

A tempestade procovou distúrbios no tráfego ferroviário. Os trens de alta velocidade das linhas de Hamburgo e Hanôver tiveram que ser desviados. Vários outros trechos ficaram bloqueados.

Em Hamburgo, os passageiros do metrô tiveram de ser evacuados na terça-feira, por causa de árvores que caíram sobre os trilhos. Árvores e placas de sinalização arrancadas pelo vento caíram sobre o asfalto e bloquearam várias auto-estradas do norte da Alemanha.