1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Telefone para pagar a conta

As operadoras de telefonia celular pretendem agora lançar uma nova campanha em diversos países europeus, entre os quais a Alemanha – tentando popularizar o pagamento via telefone celular.

default

A pizza é encomendada e paga via celular

O sistema é simples e lógico: para adquirir, por exemplo, um refrigerante numa máquina automática, telefona-se em primeiro lugar para um número indicado na máquina. Quando a chamada é "atendida", escolhe-se o tipo do refrigerante desejado, que é então imediatamente liberado pela máquina. O custo do refrigerante é incluído então na próxima conta do telefone celular. Também é possível a venda de cigarros ou de passagens de metrô dessa maneira. O mesmo vale para despesas feitas em lojas e restaurantes, desde que os estabelecimentos ofereçam tal possibilidade de pagamento.

Por mais simples que seja o sistema, até o momento ele não conseguiu impor-se na maioria dos países europeus. São poucos os estabelecimentos comerciais que dispõem de contrato com as operadoras de telefonia celular para oferecer o serviço aos clientes. E mesmo nas firmas onde isto é possível, a maioria absoluta dos clientes continua preferindo as formas tradicionais de pagamento: dinheiro vivo, em primeiro lugar, além de cartões de crédito ou cheques, no caso de despesas de maior porte.

Nova ofensiva

Agora, as maiores operadoras de telefonia celular da Europa – T-Mobile (Alemanha), Vodafone (Grã-Bretanha), Telefónica (Espanha) e Orange (França) – juntaram-se para desenvolver uma plataforma conjunta de pagamento via celular. O intuito é incentivar o uso do telefone como uma nova espécie de "cartão de crédito" nos países em que operam. E todas elas operam em diversos países do Velho Continente.

Embora o acordo para o desenvolvimento do novo serviço tenha incluído inicialmente apenas as grandes operadoras, outras empresas do setor já manifestaram seu interesse em aderir ao novo sistema. A plataforma conjunta corresponderá, por isto, a uma padronização européia e facilitará assim a sua aceitação pelos consumidores.

Compras pela internet

Um campo vasto para a utilização do pagamento via celular é visto também nas compras feitas pela internet. Até agora, os compradores online lançam mão sobretudo do pagamento por cartão de crédito ou da encomenda por reembolso postal. É grande a desconfiança – em especial dos alemães – quanto ao fornecimento do número de cartão de crédito pela internet. Teme-se abuso e fraude. O reembolso postal, por sua vez, onera bastante o custo das encomendas, principalmente quando se trata de artigos de baixo preço.

Nesse contexto, o pagamento via celular pode vir a representar uma alternativa para grande parte dos consumidores. A forma de pagamento é segura: não seria preciso fornecer o número do celular pela internet, mas ligar simplesmente para um número determinado de telefone, citado no site da loja virtual.

A alternativa pode chegar num momento ideal. O e-commerce está tendo um crescimento explosivo na Alemanha. Em 2002, quando houve uma queda geral dos níveis de consumo no país, as vendas pela internet tiveram um aumento da ordem de 60%, atingindo um faturamento total calculado em 8,5 bilhões de euros pela Federação do Comércio Varejista Alemão (HDE). E a previsão de crescimento para 2003 é de, no mínimo, 38%.

Leia mais