1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Talibã ataca bairro de embaixadas em Cabul

Carro-bomba explode próximo à embaixada da Espanha na capital do Afeganistão e deixa pelo menos um morto e sete feridos. Novo ataque reduz chances de que negociações de paz com movimento insurgente sejam retomadas.

default

Forças de segurança buscam envolvidos no ataque a bomba

A explosão de um carro-bomba nesta sexta-feira (11/12), perto da Embaixada da Espanha em Cabul, deixou pelo menos uma pessoa morta e outras sete feridas. O ataque foi reivindicado pelo movimento extremista Talibã, e a vítima é um policial espanhol.

"Um policial morreu no ataque em Cabul", confirmou o primeiro-ministro da Espanha, Mariano Rajoy.

A explosão foi sentida em vários prédios da região, que concentra escritórios do governo e representações diplomáticas. Segundo uma fonte da polícia, duas casas pegaram fogo devido ao ataque.

Forças de segurança com veículos blindados foram enviados ao local. Pelo menos três militantes do movimento teriam participado do atentado. De acordo com o vice-ministro afegão do Interior, Ayoub Salangi, dois deles foram mortos por franco-atiradores e um foi ferido.

A polícia está agindo com cautela, pois não sabe exatamente quantos combatentes do Talibã estão envolvidos no ataque.

A Espanha, que contribuiu com a força internacional no Afeganistão, retirou suas tropas em outubro, embora alguns militares ainda permaneçam na sede da missão da Otan em Cabul.

A violência do Talibã se intensificou com a retirada das tropas estrangeiras, no final do ano passado. O atentado desta sexta-feira ocorreu um dia após

militantes do movimento atacarem o aeroporto de Kandahar

, no sul do país.

Durante 27 horas, militantes do Talibã tentaram assumir controle de local que também abriga uma base militar da Otan, mas acabaram neutralizados por forças de segurança. O ataque deixou pelo menos 50 mortos e 37 feridos.

O ataque, que pôs fim a vários meses de relativa calma na capital afegã, ocorreu quando o presidente afegão, Ashraf Ghani, voltava de uma conferência de paz regional em Islamabad, cujo objetivo é justamente ressuscitar as negociações de paz com o Talibã.

CN/rtr/afp/ap

Leia mais