1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Técnico Hitzfeld deixará o comando do Bayern em junho

Treinador deverá assumir o comando da seleção da Suíça após a Eurocopa. Lista de possíveis substitutos inclui Marco Van Basten, Frank Rijkaard e Jürgen Klinsmann.

default

Desentendimento entre Hitzfeld (e) e a direção do Bayern começou em novembro

O técnico Ottmar Hitzfeld afirmou que deixará o Bayern de Munique no final da temporada 2007/08. "Há três semanas, eu já havia comunicado ao clube a minha decisão de sair no verão [europeu]", afirmou o treinador à agência de notícias SID.

A saída de Hitzfeld havia sido confirmada pelo diretor esportivo do clube alemão, Uli Hoeness. "Você pode partir do princípio de que ele não ficará. Mas até junho, sim", declarara o dirigente ao jornal Bild .

O contrato de Hitzfeld termina no final da temporada. Nas últimas semanas, ele tem mantido conversações com representantes da seleção da Suíça, seu provável destino. Hitzfeld deverá substituir o atual técnico Kobi Kühn, que deixará o comando da equipe nacional após a Euro 2008.

Além de treinar a seleção suíça, Hitzfeld disse analisar mais uma opção para o seu futuro: ser comentarista esportivo de um canal de televisão.

Possíveis sucessores

O primeiro sinal de que Hitzfeld poderia deixar o Bayern veio no final de novembro passado, quando o técnico foi duramente criticado pelo presidente executivo, Karl-Heinz Rummenigge, após o empate em 2 a 2 contra o Bolton Wanderers em jogo válido pela Copa da Uefa.

Entre os possíveis sucessores de Hitzfeld estão os holandeses Marco van Basten e Frank Rijkaard e o ex-técnico da seleção alemã Jürgen Klinsmann. Outros nomes cotados são o português José Mourinho, ex-Chelsea, e o espanhol Rafael Benitez, do Liverpool.

A saída de Hitzfeld encerra seu segundo período à frente do Bayern de Munique. Ele está no cargo desde 1º de fevereiro de 2007, em substituição a Felix Magath. Hitzfeld também treinou o Bayern entre 1998 e 2004. Com o clube bávaro, venceu a Liga dos Campeões em 2001 e foi quatro vezes campeão alemão. (as)

Leia mais