1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futurando!

Técnicas de reconstrução facial ajudam a desvendar o rosto de figuras históricas

A técnica que revelou mais detalhes do compositor Johann Sebastian Bach também ajuda a ciência a descobrir como eram os homens que viveram na Pré-história.

Eine computersimulierte Gesichtsrekonstruktion eines Schaedels wird am Donnerstag (24.03.11) im Reiss-Engelhorn-Museum (rem) in Mannheim waehrend einer Pressekonferenz zum Thema Hightech-Methoden eroeffnen neue Perspektiven auf keltische Schaedelfunde an die Wand projiziert. Mit modernen Hightech-Metoden entlocken Wissenschaftler des German Mummy Projects in Zusammenarbeit mit der Universitaet Freiburg bedeutenden Zeugnissen aus der Keltenzeit ihre Geheimnisse. Von Sonntag (02.10.11) bis Sonntag (29.04.12) zeigt das rem die Ausstellung Schaedelkult - Kopf und Schaedel in der Kulturgeschichte des Menschen. Foto: Natalie Nollert/dapd

Gesichtsrekonstruktion - Steinzeit

Conhecer o rosto de personalidades famosas que viveram na época em que não existia fotografia só era possível por meio de pinturas e esculturas. A quarta edição do Futurando mostrou como uma técnica de reconstrução facial revela mais detalhes do rosto do compositor Johann Sebastian Bach, nascido em 1685. Outros nomes importantes já tiveram seus rostos reconstituídos e contrariaram muitas teorias.

Rekonstruktion Johann Sebastian Bach

Mais detalhes do rosto de Bach ficaram conhecidos depois desta reconstrução.

A partir do crânio de um esqueleto é possível fazer a reconstrução da face até de homens que viveram na Pré-história. Um dos grupos de pesquisadores de maior destaque nessa área de reconstruções atua na França. A equipe, constituída por cientistas e artistas, utiliza dois métodos, a estereolitografia e a reconstituição a partir do crânio.

Quando a ossada é muito frágil ou incompleta, o método usado é a estereolitografia. Nesse processo, um protótipo é criado por meio de tecnologia 3D, a partir de imagens de tomografias computadorizadas. A recriação considera principalmente a forma do crânio. Quanto mais completo o esqueleto, mais precisa fica a reconstrução.

Gesichtsrekonstruktion - Ötzi

Através das reconstruções, é possível saber como era o rosto de um homem que viveu na Era do gelo.

Nos últimos anos, com a ajuda desse recurso, foi possível conhecer o rosto de nomes como Tutancâmon e de ancestrais que viveram no período Paleolítico em diversos lugares do mundo.

As reconstruções faciais estão ficando cada vez mais populares. O presidente venezuelano Hugo Chaves, por exemplo, encomendou recentemente uma reconstrução 3D do rosto de Simon Bolívar, líder político da Venezuela que viveu entre 1783 e 1830.

Em 2012, cientistas encontraram um esqueleto que acreditam ser de Lisa Gherardini, eternizada por Leonardo Da Vinci e conhecida como Monalisa, ou Gioconda. Caso testes comprovem a suposição dos pesquisadores, uma reconstrução será feita e mais detalhes do enigmático sorriso de Monalisa poderão ser revelados.

Autora: Kamila Rutkosky
Revisão: Nádia Pontes