Supremacia do Dortmund e recorde nos estádios dominam 1º turno da Bundesliga | Leia as principais notícias sobre o futebol internacional | DW | 20.12.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futebol

Supremacia do Dortmund e recorde nos estádios dominam 1º turno da Bundesliga

Borussia Dortmund ostenta o título não oficial de "campeão de outono", ao liderar o Campeonato Alemão no recesso de inverno. Ranking de artilheiros é liderada por estrangeiros.

default

Torcida do Dortmund, com a equipe para o que der e vier

Apesar de o frio e a neve terem chegado já em novembro à Alemanha, cada uma das 17 partidas do primeiro turno do Campeonato Alemão foi assistida, em média, por 42 mil torcedores. Se essa tendência prosseguir no returno, a temporada 2010/2011 poderá igualar o recorde de 12,8 milhões de espectadores alcançado em 2009.

Uma das atrações voltou a ser o Borussia Dortmund. Mais de 77 mil espectadores assistiram em média às partidas do líder na tabela, apesar de o time comandado por Jürgen Klopp não dispor de grandes estrelas.

1. Bundesliga Borussia Dortmund - Werder Bremen

Jogadores do Dortmund abraçam Nuri Sahin (centro) após gol

No primeiro turno, o Dortmund venceu 14 jogos e empatou um. É a equipe com o melhor ataque (39 gols) e ao mesmo tempo com a defesa mais eficiente (levou apenas 10 gols). Todos esses ingredientes levaram o clube a somar 43 pontos, um a menos do que o recorde para meia temporada, em poder do Bayern de Munique.

Em situação confortável, o Dortmund passa o recesso de inverno com 10 pontos à frente do segundo colocado na tabela do Campeonato Alemão. O sonho do sétimo título nacional – o último foi em 2002 – não está mais tão distante.

Concorrência só do Leverkusen?

Que equipes poderiam ainda atrapalhar este sonho? Principalmente o Bayer Leverkusen, que teve um desempenho constante, com jogos atraentes.

O treinador Jupp Heynckes, de 65 anos, transformou jovens talentos em jogadores experientes, que conseguiram compensar as ausências das estrelas Michael Ballack e Stefan Kiessling, ambos lesionados.

Entre as surpresas positivas, é preciso citar também o Mainz, o Hannover e o Freiburg. Com jogadores jovens e um futebol eficiente, estas três equipes conseguiram galgar à primeira metade da tabela e ainda estão no páreo das vagas por torneios internacionais.

Mirko Slomka neuer Trainer von Hannover 96

Mirko Slomka, treinador do Hannover

O Mainz, do técnico Thomas Tuchel, começou a temporada com sete vitórias, escalando para o segundo lugar na tabela da Bundesliga, à frente inclusive do Bayer Leverkusen. Já o Hannover, do treinador Mirko Slomka, conseguiu superar a má fase e o quase rebaixamento após o suicídio do goleiro Robert Enke na temporada passada. E o Freiburg, comandado por Robin Dutt, teve as excelentes atuações do atacante senegalês Papiss Demba Cissé.

Bayern e Schalke ameaçam a liderança

Lentamente, o Bayern de Munique começa a pegar ritmo. O atual campeão alemão e da Copa da Alemanha está em quinto lugar na Bundesliga e continua com boas chances na Liga dos Campeões. Divergências com o teimoso Louis van Gaal parecem superadas.

A boa notícia no clube bávaro foi a renovação, até 2016, do contrato Bastian Schweinsteiger (26 anos), que recusou a diversos convites de clubes europeus.

Da mesma forma como o Bayern, o Schalke se classificou em primeiro lugar no seu grupo nas oitavas-de-final da Liga dos Campeões, o principal torneio europeu de clubes. Na Bundesliga, o clube treinado por Felix Magath e da estrela Raúl conseguiu se recuperar das quatro derrotas sofridas no início da temporada, para chegar ao recesso de inverno em décimo na tabela.

E os demais?

Enquanto o Eintracht Frankfurt, do artilheiro do campeonato Theofanis Gekas, e o Hoffenheim ainda alimentam esperanças de ficar entre os cinco primeiros no final do torneio, o Hamburgo é um dos grandes frustrados da temporada. O caro plantel dirigido pelo treinador Armin Veh parece velho demais (média de idade de 30 anos) e sem motivação.

Isso vale também para outras três equipes que começaram a temporada com grandes metas: o Stuttgart, já com o terceiro técnico na temporada (Bruno Labbadia); no Wolfsburg, campeão de 2008/09, o ex-técnico da seleção inglesa Steve McClaren ainda não conseguiu transformar estrelas como Grafite, Edin Dzeko e Diego em uma equipe eficiente. O mesmo acontece no Werder Bremen, onde o treinador Thomas Schaaf parece não conseguir mais acertar seu time.

Para o Nürnberg, o Kaiserslautern e o St. Pauli, o objetivo do segundo turno será permanecer na Primeira Divisão. Esta luta será ainda mais acirrada entre os lanternas Colônia, Stuttgart e Borussia Mönchengladbach.

Estrangeiros dominam artilharia

Kombobild Fußball Eintracht Frankfurt Theofanis Gekas Freiburg Papiss Cisse

Gekas e Papiss Cissé lideram artilharia do campeonato

A lista dos artilheiros do campeonato é liderada pelo grego Theofanis Gekas, do Eintracht Frankfurt, com 14 gols. Em segundo lugar está o senegalês Papiss Demba Cissé, do Freiburg (13).

O que chama a atenção é que entre os 14 principais artilheiros da Bundesliga, apenas dois são alemães: Mario Gomez, do Bayern (12), e André Schürrle, do Mainz (9).

O segundo turno do Campeonato Alemão se iniciará dia 15 de janeiro.

Autor: Arnulf Boettcher (rw)
Revisão: Augusto Valente

Leia mais