1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

SUÉCIA

default

A Suécia vai para a sua 11ª Copa do Mundo depois de travar um duelo com a Croácia nas Eliminatórias. As seleções empataram com 24 pontos. Das dez partidas disputadas, a seleção venceu oito jogos e teve duas derrotas, ambas para a Croácia.

Euro2004, Schweden gegen Bulgarien

Suecos têm ataque festejado

A Suécia teve o segundo melhor saldo de gols da competição, com 24, superada apenas por Portugal que jogou duas partidas a mais, registrando saldo 30. Os suecos se classificaram nas vagas destinadas aos segundos melhores das chaves.

A seleção vem de uma performance boa na Copa de 2002, quando ficou no "grupo da morte", enfrentando Inglaterra, Argentina e Nigéria. Vice-campeão em 1958, ficou em terceiro em 1994.

A vitória sobre Malta nas Eliminatórias não deixa dúvidas quanto ao potencial ofensivo da equipe. O 7 a 0 pode ser questionado devido ao adversário, sem tradição no futebol mundial, mas a campanha evidencia a qualidade do ataque liderado por Zlatan Ibrahimovic, que marcou quatro gols no jogo e o gol da vitória dramática, nos descontos, sobre a Hungria.

Os adversários também devem ter especial atenção com Fredrik Liungberg, que também marcou sete gols nas Eliminatórias, e o experiente Henrik Larsson, autor de quatro gols na escalada rumo à Copa do Mundo. A equipe ficará em Bremen, no norte da Alemanha, durante o Mundial.

Um dos grandes jogos da Copa do Mundo na primera fase deve ser protagonizado por suecos e ingleses pelo Grupo B. A Suécia também enfrenta Trinidad e Tobago e Paraguai na primeira fase. A delegação sueca vai se hospedar em Bremen, no Norte da Alemanha, durante o Mundial.

Destaque

Fredrik Ljungberg, Schweden, WM 2006

Merece cuidado especial

Fredrik Liungberg
Nascimento: 16/04/1977, Halmstad
Posição: Meia
Time: Arsenal

Convocados

Goleiros: Andreas Isaksson (Stade Rennes), John Alvbage (Viborg) e Rami Shaaban (Fredrikstad)

Defensores: Erik Edman (Stade Rennes), Petter Hansson (Heerenveen), Teddy Lucic (BK Hacken), Olof Mellberg (Aston Villa), Karl Svensson (IFK Gothenburg), Mikael Nilsson (Panathinaikos) e Fredrik Stenman (Bayer Leverkusen)

Meias: Daniel Andersson (Malmo), Niclas Alexandersson (Gotemburgo), Kim Kallstrom (Stade Rennes), Tobias Linderoth (FC Copenhague), Christian Wilhelmsson (Anderlecht), Anders Svensson (Elfsborg) e Fredrik Ljungberg (Arsenal)

Atacantes: Marcus Allback (FC Copenhague), Johan Elmander (Brondby), Zlatan Ibrahimovic (Juventus), Mattias Jonson (Djurgarden), Henrik Larsson (Barcelona) e Markus Rosenberg (Ajax)

Primeira fase

Trinidad e Tobago x Suécia – 10 de junho, Dortmund

Suécia x Paraguai – 15 de junho, Berlim

Suécia x Inglaterra – 20 de junho, Colônia

Informações Gerais

Nome: Reino da Suécia

Continente: Europa

Capital: Estocolmo

Maiores cidades: Estocolmo, Göteborg, Malmö e Uppsala

Moeda: Euro

Idioma oficial: sueco

Sistema de Governo: Monarquia Parlamentarista

Dados Geográficos

Área: 449.964 km²

Fronteira: Noruega e Finlândia

População

8,8 milhões de habitantes

Expectativa média de vida: 80 anos