1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Siemens e Mitsubishi fazem oferta bilionária à Alstom

Para evitar que parte da empresa francesa seja vendida à americana GE, Siemens e Mitsubishi ofereceram, juntas, 7 bilhões de euros por setores da divisão de energia da Alstom.

Na batalha pela multinacional francesa Alstom, a alemã Siemens se uniu à japonesa Mitsubishi Heavy Industries (MHI). Juntas, as empresas ofereceram à francesa mais de 7 bilhões de euros por parte de sua divisão de energia, nesta segunda-feira (16/06). Com a proposta oficial, as empresas pretendem evitar a incorporação da Alstom pela concorrente americana General Electric (GE).

Enquanto a Siemens ofereceu 3,9 bilhões de euros pela divisão de turbinas a gás, os japoneses pedem uma integração maior. A MHI ofereceu 3,1 bilhões para 40% da parte de turbinas a vapor, 20% da tecnologia de rede e 20% da parte de energia hidráulica, além de 10% de participação na empresa.

"A proposta é uma constelação atraente, que vale a pena ser analisada. Isso, com certeza, será feito pelo conselho administrativos da Alstom, em nome dos interesses de todos os acionistas", declarou o presidente-executivo da Siemens, Joe Kaeser.

Tanto a MHI como a GE prometem que o negócio irá gerar mais de mil novos empregos na França. Com prazo até 23 de junho, a americana oferece à Alstom 12,4 bilhões de euros por toda sua divisão de energia.

Na atual proposta, a Siemens não oficializou a intenção de ceder sua divisão de trens de alta velocidade aos franceses pela divisão energética.

CN/dpa/rtr/afp

Leia mais