1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Seguindo os passos da Broadway

Ao falar em musicais, dificilmente alguém incluirá a Alemanha. Todos pensam primeiramente em Nova York e Londres. Pouca gente sabe que os alemães, de uns dez anos para cá, também foram contagiados pela febre.

default

Cartaz anuncia o musical de Elton John e Tim Rice em Essen

Cartazes e propaganda no rádio, com depoimentos de VIPs que estiveram presentes à estréia de Aida, de Elton John e Tim Rice, no último domingo (05/10), chamam a atenção do público para a mais recente produção de um gênero que vem conquistando cada vez mais fãs na Alemanha: os musicais.

A versão contemporânea da ópera clássica de Verdi, que está sendo levada no Colosseum de Essen, faz parte de um plano de investimentos de 68 milhões de euros da Stage Holding, empresa baseada na Holanda que tem montado com grande sucesso musicais na Alemanha e continua expandindo.

De propriedade do carismático holandês Joop van den Ende, a Stage Holding mantém convênio com musicais da Disney e produtores da Broadway, sendo responsável por algumas das maiores produções que estão estreando na Alemanha neste outono. Ende e outros empresários musicais querem fazer da Alemanha um país de destaque no cenário teatral internacional.

Além das produções licenciadas, a empresa de Ende monta produções próprias, tais como Elisabeth, sobre a legendária imperatriz austro-húngara Sissi, que foi um enorme sucesso de bilheteria. Na primavera, a companhia planeja estrear Changes, uma crônica musical sobre Berlim após a queda do Muro.

A DW-WORLD preparou um guia rápido dos musicais que estão em cartaz na Alemanha, tanto os lançamentos recentes quanto os magnetos que vêm atraindo o público há mais tempo. Aos interessados, é bom lembrar que os musicais são cantados em alemão, mas as melodias soam familiares.

Hamburgo:

A cidade portuária no nordeste do país é capital indiscutível do cenário alemão de musicais. Mamma Mia, de autoria dos ex-ABBAs Benny Andersson e Björn Ulvaeus e com músicas da banda que fez furor em décadas anteriores, está sendo apresentada na Operettenhaus, localizada em plena Reeperbahn, a original "milha do pecado" no centro de Hamburgo.

Diretamente às margens do Rio Elba, com vista para o porto de Hamburgo, o Theater am Hafen é há dois anos palco do Rei Leão, o grande sucesso da Disney de autoria de Elton John e Tim Rice e encenado pelo excêntrico diretor nova-iorquino Julie Taymor.

O Neues Flora Theater está apresentando Titanic: The Musical, contemplado com o Tony Award. Em dezembro, o musical sobre a última viagem do transatlântico será substituído por Dança do Vampiro, do festejado Roman Polanski, que já ficou em cartaz por três anos em Stuttgart.

Berlim:

No espetacular Theater des Westens, na capital, está sendo levado desde setembro o badalado Les Miserables, de Cameron Mackintosh, baseado no romance de Victor Hugo.

No Theater am Potsdamer Platz, as cortinas se levantam seis noites por semana para levar à platéia Cats, de Andrew Lloyd Weber, o musical mais apresentado do mundo. Nos primeiros meses de 2004, porém, o espetáculo será substituído por Blue Man Group, um musical sobre uma trupe de comediantes que se passa em Chicago.

Bochum:

Faz 15 anos que o público vem sendo atraído àquela cidade do Vale do Ruhr para assistir ao Starlight Express, de Andrew Lloyd Weber, uma espécie de luta de Davi contra Golias e único musical do mundo sobre patins.

Essen:

Desde o primeiro fim de semana de outubro, está em cartaz no histórico Colosseum a versão de John e Rice da história da princesa núbia Aida que se apaixona no cativeiro pelo soldado Radamés, a qual Giuseppe Verdi imortalizou em sua ópera de 1871.

Colônia:

Nomeado para o Tony Awards, quando apresentado na Broadway, agora Jeckyll & Hyde, o musical de Frank Wildhorn inspirado na novela de Robert Louis Stevenson, atrai as multidões ao Musical Dome, situado às margens do Reno, em Colônia, nas proximidades da catedral gótica.

Stuttgart:

A partir de 21 de novembro, os apreciadores poderão assistir no Apollo Theater a 42nd Street, um musical sobre um musical, que conta a história da ingênua Peggy Sawyer, que vai de uma cidade pequena para Nova York, onde tem a grande chance de substituir a protagonista do espetáculo Pretty Lady, tornando-se uma festejada estrela.

Leia mais